Busca avançada
Ano de início
Entree

Os saltos do "canguru" nos canaviais alagoanos: um estudo sobre trabalho e saúde

Processo: 12/12351-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2013
Vigência (Término): 31 de agosto de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Sociologia Rural
Pesquisador responsável:Maria Aparecida de Moraes Silva
Beneficiário:Lúcio Vasconcellos de Verçoza
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Trabalho rural

Resumo

O presente projeto visa ao estudo das condições de trabalho na agroindústria canavieira alagoana e seus reflexos sobre a saúde dos trabalhadores. A problemática a ser estudada é a análise das condições de trabalho e saúde vis-à-vis o momento atual da agroindústria canavieira alagoana: caracterizado pela reestruturação produtiva e pela intensificação do trabalho no corte manual da cana-de-açúcar. O aumento do esforço exigido nessa atividade laboral produz além do sofrimento físico, o sofrimento moral e psíquico. O presente projeto se justifica na medida em que ele preencherá ao menos duas lacunas no tocante à abordagem da saúde dos trabalhadores rurais: à ausência de pesquisas que enfoquem a saúde física dos trabalhadores canavieiros articulada ao sofrimento moral e psíquico; e à inexistência de estudos sobre o trabalho nos canaviais de Alagoas que dialoguem substancialmente com as pesquisas da mesma temática em São Paulo. Desse modo, o intuito é contribuir para as reflexões acerca do nexo causal entre o adoecimento e o trabalho do corte da cana. A metodologia será de caráter qualitativo (entrevistas gravadas e transcritas) e também quantitativo, além da realização de exames clínicos e da consulta em fontes secundárias. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Os homens-cangurus dos canaviais de Alagoas 
Os homens-cangurus dos canaviais de Alagoas