Busca avançada
Ano de início
Entree

Elementos potencialmente tóxicos nos sedimentos dos rios jundiaí e capivari: avaliação dos critérios de toxicidade e parâmetros de controle.

Processo: 12/13602-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2012
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências
Pesquisador responsável:Jefferson Mortatti
Beneficiário:Karine Baldo de Gênova Campos
Instituição-sede: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Hidrogeoquímica

Resumo

A dinâmica de elementos potencialmente tóxicos em sedimentos fluviais, tanto nos sedimentos em suspensão como nos sedimentos de fundo, tem sido objeto de pesquisa nos últimos anos, mostrando a importancia do conhecimento de suas origens, associadas principalmente as fontes naturais ligadas aos aspectos geoquímicos das rochas, como também de origem antrópica que afetam a qualidade da água e dos sedimentos de fundo via atividades industriais, agriculturais e efluentes doméstico. As regiões que compreendem a bacia de drenagem dos rios Jundiaí e Capivari vem sofrendo com as influências antrópicas, tanto com o crescimento agrícola e o desenvolvimento industrial nessas bacias.O projeto em questão apresenta como proposta de pesquisa, um maior detalhamento sobre a especiação química dos principais elementos potencialmente tóxicos, presentes nos sedimentos fluviais das bacias de drenagem dos rios Jundiaí e Capivari (SP), da nascente até a foz, considerando as distribuições das concentrações nos perfis de profundidade em sedimentos de fundo e nos sedimentos em suspensão, critérios de toxicidade, origem e os fatores de controle na fase sortida sedimento/água, envolvendo os mecanismos de biodisponibilidade natural e antrópica. Tais aspectos permitirão um melhor entendimento do comportamento desse corpo d'água e, adicionalmente, poderão ser utilizados como subsídios para o planejamento e o manejo adequado da área de drenagem, face às pressões antrópicas a que está sujeita a bacia dos rios Jundiaí e Capivari.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)