Busca avançada
Ano de início
Entree

Orientação empreendedora e mobilidade nas organizações

Processo: 12/15042-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2012
Vigência (Término): 30 de setembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Administração - Administração de Empresas
Pesquisador responsável:Cristina Dai Prá Martens
Beneficiário:Aline Carrion Mendieta
Instituição-sede: Universidade Nove de Julho (UNINOVE). Campus Memorial. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Empreendedorismo

Resumo

Este projeto propõe a realização de estudo aproximando os conceitos de orientação empreendedora e mobilidade organizacional. A orientação empreendedora (OE) retrata o empreendedorismo no nível organizacional, caracterizado pelas dimensões inovatividade, assunção de riscos, proatividade, autonomia e agressividade competitiva. A literatura aponta que organizações com uma maior OE tendem a ter um melhor desempenho. Contudo, a OE pode sofrer influência de diversos fatores, entre eles variáveis de ambiente, estrutura, estratégia e personalidade do líder, o que pode variar de um tipo de organização para outro. Assim, mudanças podem afetar o empreendedorismo organizacional. Uma das mudanças que maior impacto tem causado nas organizações nos últimos anos foi o avanço das tecnologias de informação, em especial com o advento da internet e, mais recentemente, com o crescimento do uso de dispositivos móveis. É nesse contexto que entra o tema mobilidade, como um recurso propiciado pelas tecnologias móveis que tem afetado o modo de trabalhar e de gerir as organizações, o que pode vir a ter efeitos no empreendedorismo organizacional. Assim, este projeto tem como norteadora a seguinte pergunta: como o uso de tecnologias móveis pode afetar a orientação empreendedora da organização? O objetivo geral deste estudo é verificar como o uso de Tecnologias de Informação Móveis (TIM) tem efeito na Orientação Empreendedora (OE) da organização. A pesquisa será desenvolvida por meio de estudo de caso em uma organização usuária de TIM. Como resultado, espera-se apontar os efeitos do uso de tecnologias móveis na organização pesquisada e seus impactos na inovatividade, na assunção de riscos, na proatividade, na autonomia e na agressividade competitiva.