Busca avançada
Ano de início
Entree

Gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: a experiência de Barcelona como contribuição as cidades brasileiras

Processo: 12/19277-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de abril de 2013
Vigência (Término): 31 de maio de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geografia Física
Pesquisador responsável:Ana Tereza Caceres Cortez
Beneficiário:Ana Tereza Caceres Cortez
Anfitrião: Xavier Gabarrell Durany
Instituição-sede: Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universitat Autònoma de Barcelona (UAB), Espanha  
Assunto(s):Limpeza urbana   Coleta de resíduos urbanos   Resíduos urbanos   Coleta seletiva

Resumo

Com a intensa industrialização, advento de novas tecnologias, aumento populacional nos centros urbanos e diversificação do consumo de bens e serviços, os resíduos se transformaram em graves problemas urbanos com um gerenciamento oneroso e complexo considerando-se o volume e massa acumulados. Ao longo do tempo os problemas foram surgindo e se agravando com os altos custos sociais no gerenciamento de resíduos, problemas de saneamento público e contaminação ambiental, a escassez de áreas de deposição de resíduos causadas pela ocupação e valorização de áreas urbanas. Nos países desenvolvidos, principalmente na Europa, existem sérios problemas relacionados ao espaço físico para alocação de rejeitos chegando em alguns casos, os resíduos sólidos serem transportados por longas distâncias até alcançar sua destinação final. No Brasil, a Política Nacional de Resíduos Sólidos, aprovada em 2010, ainda suscita polêmica e gera grandes desafios para os próximos anos. Essa Lei, que contempla a responsabilidade dos geradores, consumidores e poder público, se bem conduzida, constitui um grande avanço na tentativa de solucionar ou minimizar os vários problemas gerados pela exploração dos recursos naturais e o descarte excessivo de materiais dos mais variados tipos. O objetivo geral da pesquisa é efetuar uma comparação entre cidades da Espanha (Barcelona) e Brasil (Campinas) sobre as Políticas Públicas adotadas com relação aos resíduos sólidos e os sistemas de embalagens (descartável ou reutilizável) enfatizando a responsabilidade pós-consumo atribuídas pela legislação dos dois países. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.