Busca avançada
Ano de início
Entree

Expressão de retrovírus humanos endógenos (HERVs) em crianças expostas ao HIV por via vertical e não infectadas

Processo: 12/21657-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de novembro de 2012
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Daisy Maria Machado
Beneficiário:Giovana Santos Caleiro
Instituição-sede: Instituto de Medicina Tropical de São Paulo (IMT). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/13612-9 - Expressão de retrovírus humanos endógenos (HERVs) em crianças expostas ao HIV por via vertical e não infectadas, AP.R
Assunto(s):Crianças

Resumo

O DNA das células dos humanos é constituído, entre outros componentes, por sequências retrovirais completas ou degeneradas denominadas de retrovírus endógenos (ERVs, do inglês endogenous retroviruses).Os retrovírus endógenos humanos (HERVs) têm características semelhantes às dos retrovírus exógenos, não sendo, contudo, infecciosos.São transmitidos geneticamente como DNA proviral para as células germinativas.A expressão dos HERVs pode influenciar na malha gênica do hospedeiro, tanto de forma benéfica como em detrimento do hospedeiro.Existem diversas famílias de ERVs integradas no genoma humano.A maioria dos genomas de provírus completos (contendo gag, pol e env, além das LTRs) encontrados no genoma humano é pertencente à família K, subfamília HML-2. Anticorpos anti-HERV-K têm sido associados à infecção pelo HIV, sendo detectados em 70% dos indivíduos soropositivos para esse vírus. A expressão de HERVs é capaz de incitar a resposta imune celular, e há células que reconhecem epítopos compartilhados entre HERVs e HIV-1, aumentando a resposta imune contra o vírus exógeno. A maioria das crianças nascidas de mães infectadas pelo HIV (65-85%) não adquire a infecção, entretanto, é provável que uma p