Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da suplementação com DHEA em coração de ratas com hipertensão arterial induzida por castração e dieta hiperlipídica

Processo: 12/14183-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2013
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia
Pesquisador responsável:Carla Roberta de Oliveira Carvalho
Beneficiário:Caio Jordão Teixeira
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Estrógenos   Menopausa   Obesidade   Ovariectomia   Resistência à insulina

Resumo

A privação dos hormônios sexuais, natural ou induzida, contribui para o aparecimento de diversas desordens metabólicas e endócrinas, como resistência à insulina, intolerância à glicose e diabetes, além de doenças cardiovasculares, devido, em parte, pelo efeito protetor dos estrógenos. Deidroepiandrosterona (DHEA), esteroide mais abundante em humanos, produzido principalmente pelo córtex das adrenais, é convertido a andrógenos e estrógenos nos tecidos periféricos. Em mulheres na pós-menopausa a síntese dos estrogênios e androgênios é feita localmente nos tecidos periféricos por enzimas esteroidogênicas tecido específicas através de processo intrácrino, tendo como precursores os esteroides adrenais DHEA, DHEA-S e androstenediona. A utilização de DHEA como suplemento alimentar, tanto em humanos quanto em modelos experimentais, foi relacionada à redução da obesidade, resistência à insulina e risco de doenças cardiovasculares. Além disso, publicamos recentemente que a suplementação com DHEA a ratas hipertensas devido à ovariectomia tem papel protetor nos anéis de aorta avaliados quanto à resposta a vasoconstritores e vasodilatadores com efeito anti-inflamatório e antioxidante (Camporez et al., 2011). Assim, o objetivo desse atual projeto de mestrado é avaliar o efeito da suplementação com DHEA sobre a morfologia dos miócitos ventriculares cardíacos e expressões de citocinas inflamatórias e receptores de insulina e IGF-1 em corações de ratas obesas e hipertensas devido a castração e dieta hiperlipídica. Serão avaliados parâmetros zoomórficos, perfil glicêmico, expressão das proteínas envolvidas nas vias de insulina e IGF-1 e de citocinas inflamatórias e parâmetros morfométricos no tecido muscular cardíaco do ventrículo esquerdo (VE). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TEIXEIRA, CAIO JORDAO; VERAS, KATHERINE; DE OLIVEIRA CARVALHO, CARLA ROBERTA. Dehydroepiandrosterone on metabolism and the cardiovascular system in the postmenopausal period. JOURNAL OF MOLECULAR MEDICINE-JMM, NOV 2019. Citações Web of Science: 0.
TEIXEIRA, CAIO JORDAO; RIBEIRO, LUCIENE MARIA; VERAS, KATHERINE; DA CUNHA ARAUJO, LAYANNE CABRAL; CURI, RUI; DE OLIVEIRA CARVALHO, CARLA ROBERTA. Dehydroepiandrosterone supplementation is not beneficial in the late postmenopausal period in diet-induced obese rats. Life Sciences, v. 202, p. 110-116, JUN 1 2018. Citações Web of Science: 2.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
TEIXEIRA, Caio Jordão. Gonadectomia e DHEA: efeitos metabólicos em ratas adultas alimentadas com dieta hiperlipídica.. 2014. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.