Busca avançada
Ano de início
Entree

Preparação e caracterização de filmes eletrocrômicos híbridos de hidróxido de níquel/polipirrol

Processo: 12/20987-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2012
Vigência (Término): 31 de maio de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Susana Inés Córdoba de Torresi
Beneficiário:Fernando Henrique de Carvalho Miguel
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Eletroquímica   Polipirrol   Hidróxidos   Eletrocromismo

Resumo

Alguns materiais apresentam a capacidade de alterar sua coloração em resposta a uma mudança do seu estado de oxidação. Tal característica é chamada de eletrocromismo e é utilizada em diversos produtos, como espelhos retrovisores e janelas inteligentes. O hidróxido de níquel possui características eletrocrômicas, podendo ser oxidado e recebendo uma coloração marrom escura, que é revertida ao ser reduzido, voltando a ser incolor. Esse hidróxido possui duas principais formas de estruturação e arranjo, ± e ², sendo a ± a estrutura com melhores propriedades eletroquímicas. Há a possibilidade de esse composto ser disposto em um filme fino depositado sobre uma superfície condutora utilizando-se nanopartículas desse hidróxido de níquel e conduzindo-as até a superfície por meio da aplicação de um campo elétrico entre dois eletrodos imersos na solução de nanopartículas devido à densidade de cargas negativas nessas estruturas. Esse processo é conhecido como deposição eletroforética. O presente projeto visa a síntese dessas nanoparticulas e a sua optimização e caracterização, incluindo o efeito da adição de polipirrol (um polímero condutor) à composição do filme. Com isso, espera-se um incremento nas propriedades eletroquímicas do material obtido. (AU)