Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da atividade mutagênica de complexo heteroléptico de rutênio(II) com atividade anti-Mycobacterium tuberculosis

Processo: 12/22364-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2013
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Mutagênese
Pesquisador responsável:Flávia Aparecida Resende Nogueira
Beneficiário:Rone Aparecido de Grandis
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Tuberculose   Teste de Ames

Resumo

O Mycobacterium tuberculosis, agente da tuberculose, é responsável pela morte de milhões de pessoas pelo mundo e prejuízos econômicos globais de bilhões de dólares. Sua taxa de mortalidade reduziu globalmente em 2007, entretanto, cepas multi resistentes às drogas e a co-infecção com HIV têm sufocado as tentativas de controle da tuberculose. Desde 1960 não é desenvolvida nenhuma droga específica contra o M. tuberculosis. Novos estudos apontam os complexos de Rutênio(II) como fortes candidatos a uma nova terapia contra à tuberculose. Esses complexos vêm sendo testados contra diversas bactérias e estudos atuais indicam excelentes resultados, com alta atividade contra o M. tuberculosis. Todavia, mesmo com promissores efeitos antimicobacterianos, é imprescindível avaliar a segurança destes complexos para a saúde humana. Nesse contexto, a avaliação do potencial mutagênico destes complexos é fundamental para assegurar seu uso sem demonstrar riscos no desenvolvimento de cânceres. Desta forma, este estudo tem como objetivo, avaliar a atividade mutagênica do complexo cis-[Ru(pic)(dppe)2]PF6 (CPX1), por meio dos ensaios de mutação gênica reversa com Salmonella typhimurium (teste de Ames) e do citoma. O teste de Ames será realizado segundo a metodologia de pré-incubação, na presença e ausência de ativação metabólica, nas linhagens TA98, TA97a, TA100 e TA102 de S. typhimurium. O ensaio do citoma será realizado em cultura de células CHO-K1 e HepG2, onde serão analisados como parâmetros a frequência de micronúcleos, pontes nucleoplasmáticas e brotamentos nucleares, além do índice de divisão nuclear. Por meio dos resultados destes ensaios será possível esclarecer os mecanismos pelos quais esse complexo interage com o material genético, além de prognosticar a segurança e eficácia na utilização pela indústria farmacêutica, bem como, no benefício para a saúde humana.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE GRANDIS, RONE A.; DE CAMARGO, MARIANA S.; DA SILVA, MONIZE M.; LOPES, ERICA O.; PADILHA, ELIAS C.; RESENDE, FLAVIA A.; PECCININI, ROSANGELA G.; PAVAN, FERNANDO R.; DESIDERI, ALESSANDRO; BATISTA, ALZIR A.; VARANDA, ELIANA A. Human topoisomerase inhibition and DNA/BSA binding of Ru(II)-SCAR complexes as potential anticancer candidates for oral application. BIOMETALS, v. 30, n. 3, p. 321-334, JUN 2017. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.