Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação dos efeitos do extrato de Castanha do Brasil (Bertholletia excelsa) sobre os danos agudos induzidos pelo cádmio na espermatogênese e outros parâmetros reprodutivos de Ratos Wistar

Processo: 12/15172-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2013
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Odair Aguiar Junior
Beneficiário:Juliana Parusia Schonhaus
Instituição-sede: Instituto de Saúde e Sociedade (ISS). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Baixada Santista. Santos , SP, Brasil
Assunto(s):Estresse oxidativo   Reprodução   Espermatogênese   Selênio   Cádmio

Resumo

A espermatogênese, assim como outros parâmetros reprodutivos do macho, têm se mostrado alterada mediante uma série de condições endógenas e/ou exógenas das mais variadas naturezas, fato que têm contribuído para a diminuição da fertilidade masculina ao longo dos últimos 50 anos. Compostos encontrados no meio ambiente, em geral como contaminantes que resultam da ação humana, fazem parte de um rol de substâncias capazes de desregular o sistema endócrino e afetar o sistema reprodutor masculino. Dentre essas substâncias destaca-se o cádmio, metal encontrado em concentrações importantes em algumas culturas agrícolas, como componente do cigarro, como contaminante de solos e em resíduos industriais. O cádmio tem os testículos como um de seus grandes alvos, mesmo em pequenas concentrações. Nesse órgão ele causa alterações intensas no epitélio seminífero e no compartimento intersticial, que levam a um completo desarranjo na espermatogênese e na produção hormonal, levando à infertilidade. Diversos estudos têm demonstrado que o cádmio, além de sua ação direta, desencadeia processos oxidativos que potencializam seus efeitos teciduais. Inúmeros trabalhos na literatura mostram uma busca incessante por substâncias antioxidantes que possam combater ou proteger contra esses efeitos reprodutivos do cádmio. Na presente proposta, um alimento de produção abundante no nosso País será testado em animais contaminados pelo cádmio: a castanha do Brasil, na forma de um extrato. O extrato de castanha é rico em selênio e outras substâncias com potencial antioxidante. Será utilizado em animais contaminados com cádmio em um ensaio de curto prazo (7 dias). Nossos objetivos são os de caracterizar a resposta a esse composto, aferindo parâmetros reprodutivos e o status de marcador antioxidante, buscando com isso evidências de seus benefícios na proteção contra os danos causados pelo cádmio.