Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo químico de bactérias simbiônticas de insetos pragas de solo

Processo: 12/22147-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2013
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Moacir Rossi Forim
Beneficiário:Naiara Soares Melo da Silva
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Metabólitos   Biopolímeros   Produtos naturais   Diabrotica speciosa   Cromatografia líquida

Resumo

Décadas atrás, produtos agroquímicos foram introduzidos com o objetivo de aumentar os rendimentos agrícolas controlando insetos pragas. Devido a adaptação e resistência desenvolvidas por estes insetos, a cada ano maiores são a quantidade de inseticidas consumidos. Todavia, esta prática vem causando efeitos indesejáveis de contaminação ambiental acompanhado do aumento no custo para produção de alimentos. Os insetos pragas contam com a ajuda de micro-organismos endossimbiontes no processo de digestão e absorção de nutrientes, bem como para a adaptação aos inseticidas, sendo estes simbiontes encontrados especialmente em insetos com alimentação especializada. Entre os insetos pragas se destacam os insetos de solo como a Diabrotica speciosa, uma praga polífaga que possuem hábitos subterrâneos consumindo o sistema radicular das plantas. Este plano de trabalho faz parte de um projeto amplo (Fapesp no. 2011/11860-5) de iniciativa multidisciplinar, forjando a ecologia química, química de produtos naturais e microbiologia numa ação conjunta para a compreensão das interações planta-inseto praga e inseto praga-micro-organismos endossimbiontes. Este plano de trabalho tem como objetivo o estudo químico da bactéria Luteibacter sp. - endossimbionte de D. speciosa, avaliando o impacto de diferentes meios de cultivos sobre a produção de metabólitos e seus potenciais de aplicação biotecnológica. Estudos prévios identificaram um elevado potencial herbicida e capacidade de produção de biopolímeros. Assim, serão preparados e fracionados diversos extratos avaliando o perfil químico cromatográfico, isolando e identificando metabólitos. Serão aplicadas técnicas clássicas preparo e fracionamento cromatográfico de extratos, isolamento de metabólitos que serão identificados por métodos espectrométricos e espectroscópicos. Os materiais obtidos serão encaminhados para ensaios biológicos.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.