Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo fitoquímico da fração n-butanólica de Styrax pohlii A.DC. (Styracaceae) e avaliação da atividade esquistossomicida.

Processo: 12/24037-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2013
Vigência (Término): 30 de novembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Patricia Mendonça Pauletti
Beneficiário:Thaís Viveiros Viana
Instituição-sede: Pró-Reitoria Adjunta de Pesquisa e Pós-Graduação. Universidade de Franca (UNIFRAN). Franca , SP, Brasil
Assunto(s):Cromatografia líquida de alta pressão   Química de produtos naturais

Resumo

A família Styracaceae é constituída de aproximadamente 11 gêneros com cerca de 130 espécies, sendo encontrada em regiões tropicais e subtropicais. Levantamento bibliográfico, nas bases de dados, sobre o gênero Styrax revelou a presença de saponinas, lignanas, triterpenos e compostos fenólicos. É importante mencionar que estudos recentes desenvolvidos em nosso grupo de pesquisa (FAPESP processo no 2009/02535-3 e 2009/11376-6) com S. pohlii levaram ao isolamento das norneolignanas bioativas: homoegonol, egonol, homoegonol gentiobiosídeo, homoegonol glicosídeo e egonol gentiobiosídeo. Também, a pesquisa de novos fármacos para o tratamento de doenças tropicais, por exemplo, esquistossomicidas, de modo geral, é considerada de menor prioridade para as indústrias farmacêuticas. Deste modo, os objetivos principais deste projeto serão o estudo químico da fração n-BuOH bioativa, a avaliação da atividade esquistossomicida das substâncias isoladas e também contribuir para a formação de recursos humanos na região de Franca.