Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da infusão contínua de tiopental ou propofol, em coelhos mantidos em respiração espontânea.

Processo: 12/14570-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2013
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Newton Nunes
Beneficiário:Eliselle Gouveia de Faria
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Tiopental   Propofol   Coelhos   Anestesiologia veterinária

Resumo

Seria cientificamente lícito abandonar o uso de um fármaco, sem que se esgotassem todos os recursos disponíveis para sua avaliação, como composto útil, para a produção de anestesia numa diversidade de aplicações? Parece ser este o caso do tiopental, o qual vem sendo abandonado, em detrimento do propofol, desde o início do seu emprego clínico, ainda em meados dos anos 70, do século passado. Estudos recentes, demonstraram que o barbitúrico determina maior estabilidade respiratória e valores de hemogasometria mais adequados, quando comparado ao propofol em cães portadores de hipertensão pulmonar. Em contrapartida, não são conhecidos, em profundidade, os efeitos do tiopental, na espécie leporina (Oryctolagus cuniculus).Assim sendo, com este trabalho procurar-se-á aquilatar, comparativamente o tiopental e o propofol, em coelhos submetidos à ventilação espontânea, de modo a se avaliarem diversos parâmetros, para se estabelecerem valores confiáveis na espécie em teste e determinar-se a viabilidade ou não da substituição do propofol pelo tiopental, numa determinada gama de procedimentos experimentais ou não, em leporinos.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)