Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de parâmetros oxidativos no sistema nervoso central de ratos obesos suplementados cronicamente com extrato de chá verde (Camellia sinensis)

Processo: 12/19681-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de abril de 2013
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Geral
Pesquisador responsável:Rosemari Otton
Beneficiário:Rita de Cássia Macedo dos Santos
Instituição-sede: Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa. Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Camellia sinensis   Estresse oxidativo   Sistema nervoso central   Obesidade
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Catequinas | Chá verde | Estresse de retículo | Estresse oxidativo | obesidade | Sistema Nervoso Central | Fisiologia Geral

Resumo

A obesidade é considerada uma doença integrante do grupo de Doenças Crônicas Não-Transmissíveis (DCNT), sendo caracterizada pelo acúmulo de gordura corporal que prejudica a saúde do indivíduo, favorecendo o desenvolvimento de outras doenças como o diabetes mellitus tipo 2, doenças cardiovasculares, hipertensão entre outras. É bem descrito que o cérebro é um órgão que possui um maior grau de estresse oxidativo em relação aos demais tecidos, pois, ele apresenta elevado consumo de oxigênio e alto teor de ferro, o que favorece a lipoperoxidação, além da sua capacidade de defesa antioxidante ser muito reduzida. O retículo endoplasmático é uma organela responsável pela síntese de proteínas e a deficiência nessa organela pode provocar o estresse de retículo, que é ocasionado principalmente em doenças como diabetes mellitus e obesidade. As catequinas, principais compostos polifenólicos no chá verde, possuem múltiplos efeitos benéficos para a saúde pois possuem efeito antioxidante, anti-hipertensivo, anti-inflamatório, anti-proliferativo, anti-trombogênico, antimutagênico, antidiabético e redutor de lipídios. Muitos estudos demonstraram a atividade de diversos antioxidantes naturais na obesidade e no SNC, porém, nada é descrito sobre a ação antioxidante do chá-verde. Sendo assim, este trabalho tem como objetivo avaliar os parâmetros oxidativos, funcionais e inflamatórios de regiões do SNC (encéfalo, cerebelo e tronco encefálico) de animais obesos tratados com extrato de chá-verde. Para tal serão realizados os seguintes experimentos: avaliação dos danos em lipídios pelo ensaio de 8-isoprostanos (ELISA), avaliação do conteúdo de glutationa reduzida (GSH), oxidada (GSSG) e a relação GSH/GSSG, avaliação da capacidade antioxidante total das regiões cerebrais pelo ensaio de FRAP, atividade das enzimas antioxidantes SOD, glutationa redutase e peroxidase, dosagens das concentrações séricas de leptina, expressão gênica por RT-PCR dos genes BIP, CHOP e XBP-1 como indicadores de estresse de retículo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MACEDO, RITA CASSIA; BONDAN, EDUARDO FERNANDES; OTTON, ROSEMARI. Redox status on different regions of the central nervous system of obese and lean rats treated with green tea extract. NUTRITIONAL NEUROSCIENCE, v. 22, n. 2, p. 119-131, . (11/19216-8, 12/19681-5)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.