Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise dos padrões dose-resposta de diferentes comprimentos de onda da laserterapia de baixa potência na fadiga muscular em ratos

Processo: 12/04295-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2013
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Ernesto Cesar Pinto Leal Junior
Beneficiário:Larissa Aline Santos
Instituição-sede: Universidade Nove de Julho (UNINOVE). Campus Vergueiro. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Fadiga muscular   Laser de baixa intensidade   Laser   Terapia a laser de baixa intensidade

Resumo

A fadiga muscular e a recuperação muscular pós-exercício são áreas recentes de pesquisa envolvendo Laserterapia de Baixa Potência (LBP). Estudos recentes do nosso grupo de pesquisa com fototerapia tem demonstrado resultados positivos no retardo da fadiga do muscular e na recuperação de marcadores bioquímicos relacionados a recuperação muscular quando essas terapias foram aplicadas previamente ao exercício. Contudo, diversos fatores ainda permanecem desconhecidos, tais como: doses e parâmetros ideais de aplicação, mecanismos de ação, os efeitos em médio e longo prazo, e as "janelas terapêuticas" que a radiação com diferentes comprimentos de onda podem possuir. Com estes fatores em mente, o presente projeto de pesquisa tem como objetivos: avaliar os efeitos da LBP no processo de fadiga musculoesquelética; avaliar os efeitos da LBP no dano muscular gerado pela atividade muscular; e identificar padrões dose-resposta, estabelecendo assim as doses de aplicação ideais da LBP previamente à atividade muscular com lasers de 660 nm, 830 nm e 905 nm. Para tal, será realizado um estudo experimental com ratos. Neste estudo será utilizado um protocolo de contrações tetânicas para induzir o processo de fadiga muscular no musculo tibial anterior dos animais. Previamente ao protocolo os animais serão irradiados com laser de 660 nm, 830 nm ou 905 nm (ambos com 50 mW) com uma das 3 diferentes doses a serem testadas (1,0 J; 3,0 J; ou 10,0 J). Serão avaliados parâmetros relativos à performance muscular (pico de força, tempo para que a força decaia 50% da força pico, e trabalho muscular total), morfologia do músculo esquelético (histologia), e parâmetros bioquímicos relacionados ao dano muscular induzido pelo exercício (Creatino Quinase - CK).

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SANTOS, LARISSA ALINE; MARCOS, RODRIGO LABAT; TOMAZONI, SHAIANE SILVA; VANIN, ADRIANE AVER; ANTONIALLI, FERNANDA COLELLA; GRANDINETTI, VANESSA DOS SANTOS; ALBUQUERQUE-PONTES, GIANNA MOES; VICENTE DE PAIVA, PAULO ROBERTO; BRANDAO LOPES-MARTINS, RODRIGO ALVARO; CAMILLO DE CARVALHO, PAULO DE TARSO; BJORDAL, JAN MAGNUS; PINTO LEAL-JUNIOR, ERNESTO CESAR. Effects of pre-irradiation of low-level laser therapy with different doses and wavelengths in skeletal muscle performance, fatigue, and skeletal muscle damage induced by tetanic contractions in rats. Lasers in Medical Science, v. 29, n. 5, p. 1617-1626, SEP 2014. Citações Web of Science: 35.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.