Busca avançada
Ano de início
Entree

Branco mulato, preto doutor: negritude, baianidade e autoimagem na obra tardia de Dorival Caymmi (1968-2008)

Processo: 12/22714-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2013
Vigência (Término): 31 de outubro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia - Antropologia das Populações Afro-brasileiras
Pesquisador responsável:Heloísa André Pontes
Beneficiário:Vítor Aquino de Queiroz Davila Teixeira
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Etnomusicologia   Identidade étnica   Relações étnicas e raciais   Música popular

Resumo

A partir das canções e regravações dos últimos quarenta anos da vida artística de Dorival Caymmi (1914-2008) não é difícil desconfiar que a imagem do homem do povo negro ou mestiço, preguiçoso e dotado de talentos inatos que acompanhava o compositor tinha os seus propósitos. A representação sistemática de negros e/ou mestiços baianos no trabalho e na própria figura do "gênio da raça" divulgada amplamente por diversos meios difusores incluindo a televisão, que se tornou um veículo hegemônico de comunicação no Brasil deste período, pode ter sido mais intencional, influente e política do que se acredita e relaciona-se certamente com a manutenção e/ou a troca dos discursos estereotipados ou das apreciações regionais e raciais de então. Através de análises de fontes sonoras e entrevistas, materiais iconográficos e textuais este projeto propõe, portanto, uma investigação a respeito 1. do trabalho autoral e das homenagens dedicadas a este Caymmi "tardio", 2. de sua inserção e, principalmente, da utilização de sua obra nos debates raciais atlânticos do período e 3. de sua interferência específica nas construções simbólico-imagéticas de uma Bahia e de um negro-mestiço baiano e brasileiro. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
TEIXEIRA, Vítor Aquino de Queiroz Davila. A pedra que ronca no meio do mar : baianidade, silêncio e experiência racial na obra de Dorival Caymmi. 2017. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.