Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise funcional de anticorpos murinos gerados pela imunização com uma proteína recombinante quimérica baseada em antígenos imunodominantes de Plasmodium vivax

Processo: 13/01487-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2013
Vigência (Término): 30 de junho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Irene da Silva Soares
Beneficiário:Mariana Vilela Rocha
Supervisor no Exterior: Laurent Claude Stéphane Rénia
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Agency for Science, Technology and Research (A*STAR), Cingapura  
Vinculado à bolsa:11/23278-9 - Geração de proteínas recombinantes quiméricas para uso em vacinação experimental contra o Plasmodium vivax, BP.IC
Assunto(s):Plasmodium vivax   Malária   Vacinas sintéticas   Desenvolvimento de vacinas

Resumo

O Plasmodium vivax é a espécie com maior distribuição geográfica no mundo e a mais prevalente nas Américas. O desenvolvimento de uma vacina contra o P. vivax é considerado prioridade para a erradicação da malária no mundo. Em nosso projeto vinculado intitulado "Geração de proteínas recombinantes quiméricas para uso em vacinação experimental contra o Plasmodium vivax", propusemos que uma formulação vacinal eficaz para a indução de resposta imune protetora deveria conter regiões imunodominantes de dois antígenos do parasita. Para isso, geramos uma proteína recombinante quimérica baseada em domínios selecionados das proteínas Antígeno 1 de Membrana Apical (AMA-1) e região C-terminal da Proteína 1 da Superfície do Merozoíta (MSP-1), os quais já foram previamente caracterizados pelo nosso grupo como altamente imunogênicos em infecções naturais e em camundongos imunizados. A proteína recombinante quimérica (AMA166-MSP119) foi recentemente expressa na levedura Pichia pastoris a partir de genes sintéticos com códons optimizados. Esta foi utilizada para imunizações pré-clínicas em camundongos e altos títulos de anticorpos IgG foram detectados por ELISA. O objetivo principal desse projeto é avaliar se os anticorpos anti-AMA166-MSP119 reconhecem às proteínas nativas presentes em esquizontes maduros de isolados de P. vivax, por imunofluorescência. Posteriormente, é nosso intuito investigar se os anticorpos induzidos em imunizações experimentais são capazes de inibir a reinvasão dos reticulócitos pelo P. vivax. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ROCHA, MARIANA VILELA; FRANCOSO, KATIA SANCHES; LIMA, LUCIANA CHAGAS; CAMARGO, TARSILA MENDES; MACHADO, RICARDO L. D.; COSTA, FABIO T. M.; RENIA, LAURENT; NOSTEN, FRANCOIS; RUSSELL, BRUCE; RODRIGUES, MAURICIO M.; SOARES, IRENE S. Generation, characterization and immunogenicity of a novel chimeric recombinant protein based on Plasmodium vivax AMA-1 and MSP1(19). Vaccine, v. 35, n. 18, p. 2463-2472, APR 25 2017. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.