Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação e caracterização de lipoproteinasde Leptospira interrogans para o entendimentoda interação patógeno-hospedeiro

Processo: 12/51165-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2013
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Ana Lucia Tabet Oller Do Nascimento
Beneficiário:Maria Raquel Venturim Cosate
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Imunologia   Leptospirose   Vacinas   Lipoproteínas   Leptospira interrogans   Saúde pública

Resumo

Leptospirose é uma zoonose de importância mundial considerada atualmente como um enorme problema de saúde pública. No Brasil, surtos epidêmicos ocorrem principalmente nos períodos chuvosos em áreas metropolitanas que apresentam infraestrutura inadequada favorecendo a proliferação de roedores que são os principais reservatórios da doença. Medidas atuais voltadas para o controle da doença são questionáveis em vários aspectos. O desenvolvimento de novas estratégias para impedir a expansão e controle da leptospirose é necessário. Nesse sentido, vacinas profiláticas ou imunoterapêuticas surgem como um forte candidato para contornar o problema. Embora existam vacinas disponíveis para humanos, essas formulações são baseadas em leptospiras inativadas que apresentam uma série de efeitos colaterais. Devido a esse fato as pesquisas atuais têm sido voltadas para identificar antígenos conservados que estejam diretamente envolvidos no processo de interação patógeno-hospedeiro. Assim, o presente projeto tem como objetivo avaliar as propriedades funcionais de três lipoproteínas, LipL21, LipL31 and LipL48. Os genes correspondentes a estas proteínas serão amplificados a partir do DNA genômico de L. interrogans, e os insertos de DNA clonados em vetores apropriados utilizando E. coli como sistema hospedeiro de expressão. As proteínas recombinantes serão purificadas por cromatografia de afinidade a metal, analisadas quanto a sua estrutura pela técnica de dicroísmo circular e a imunogenicidade avaliada em soros de camundongos imunizados com as proteínas por ELISA e/ou Western blotting. Após essa etapa, as proteínas recombinantes serão avaliadas quanto à reatividade aos componentes da matriz extracelular e a componentes do soro, além disso, o efeito imunoprotetor será avaliado em modelo animal. Essas etapas experimentais a serem cumpridas serão fundamentais para a identificação de novos candidatos vacinais. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
COSATE, MARIA RAQUEL; SIQUEIRA, GABRIELA HASE; DE SOUZA, GISELE OLIVEIRA; VASCONCELLOS, SILVIO ARRUDA; NASCIMENTO, ANA LUCIA T. O. Mammalian cell entry (Mce) protein of Leptospira interrogans binds extracellular matrix components, plasminogen and 2 integrin. MICROBIOLOGY AND IMMUNOLOGY, v. 60, n. 9, p. 586-598, SEP 2016. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.