Busca avançada
Ano de início
Entree

Obtenção de nanofibras a partir de subprodutos da soja e sua aplicação como reforço em filmes biodegradáveis

Processo: 12/22154-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2013
Vigência (Término): 19 de maio de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Tecnologia de Alimentos
Pesquisador responsável:Delia Rita Tapia Blácido
Beneficiário:Milena Martelli Tosi
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/14610-0 - Aproveitamento de resíduos agroindustriais para a elaboração de filmes bioativos, AP.JP
Assunto(s):Hidrólise ácida   Nanofibras   Soja   Farinhas   Amido

Resumo

Os principais objetivos deste projeto são: (i) a extração e caracterização de nanofibras de celulose a partir de subprodutos de soja (palha e vagem) submetidos a diferentes pré-tratamentos (químicos, mecânicos e enzimáticos) e, (ii) a avaliação da potencial aplicação das nanofibras como reforço em filmes biodegradáveis à base de proteínas e amido. A obtenção das nanofibras se dará por tratamento: químico (ácido sulfúrico) e/ou enzimático (lacase e lacase-xilanase) e por via mecânica (moinho de bolas e homogeneização de alta pressão). A cristalinidade das nanofibras será avaliada por difração de raios-X e sua morfologia por microscopia eletrônica de transmissão (TEM). A carga superficial das nanofibras em suspensão aquosa será determinada por potencial zeta. A espectroscopia de infra-vermelho (FT-IR) será também utilizada para identificar possíveis mudanças na estrutura das fibras decorrentes dos tratamentos mecânicos, químicos/enzimáticos. O desempenho das nanofibras como material de reforço em filmes biodegradáveis será avaliado por meio de ensaios mecânicos, estabilidade térmica, solubilidade, hidrofilicidade, absorção de umidade e propriedades de barreira ao vapor de água. As análises morfológicas dos compósitos resultantes serão realizadas por microscopia eletrônica de varredura (MEV), visando o entendimento da relação estrutura-propriedade e a otimização das propriedades finais. Demais análises como composição lignocelulósica dos subprodutos da soja também estão previstas. O presente projeto está inserido dentro da linha de processamento de compósitos com base nanotecnológica e objetiva dar contribuições para o aproveitamento dos recursos renováveis de grande disponibilidade no nosso país. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARTELLI-TOSI, MILENA; MASSON, MARAIANE M.; SILVA, NATALIA C.; ESPOSTO, BRUNO S.; BARROS, TAIS T.; ASSIS, ODILIO B. G.; TAPIA-BLACIDO, DELIA R. Soybean straw nanocellulose produced by enzymatic or acid treatment as a reinforcing filler in soy protein isolate films. Carbohydrate Polymers, v. 198, p. 61-68, OCT 15 2018. Citações Web of Science: 5.
MARTELLI-TOSI, MILENA; ASSIS, ODILIO B. G.; SILVA, NATALIA C.; ESPOSTO, BRUNO S.; MARTINS, MARIA ALICE; TAPIA-BLACIDO, DELIA R. Chemical treatment and characterization of soybean straw and soybean protein isolate/straw composite films. Carbohydrate Polymers, v. 157, p. 512-520, FEB 10 2017. Citações Web of Science: 22.
MARTELLI-TOSI, MILENA; TORRICILLAS, MARCELA DA SILVA; MARTINS, MARIA ALICE; GARRIDO DE ASSIS, ODILIO BENEDITO; TAPIA-BLACIDO, DELIA RITA. Using Commercial Enzymes to Produce Cellulose Nanofibers from Soybean Straw. Journal of Nanomaterials, 2016. Citações Web of Science: 15.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.