Busca avançada
Ano de início
Entree

Evolução de linhagens de t. harzianum e desempenho em biorreator submerso para biossíntese de celulase para produção de etanol de segunda geração

Processo: 12/24581-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de maio de 2013
Vigência (Término): 30 de abril de 2015
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química
Pesquisador responsável:Aline Carvalho da Costa
Beneficiário:Patrícia dos Santos Costa
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:08/57873-8 - Um processo integrado para produção total de bioetanol e emissão zero de CO2, AP.BIOEN.TEM
Assunto(s):Bioprocessos

Resumo

Este projeto tem como objetivo o melhoramento genético do fungo Trichoderma harzianum linhagem P49P11 isolado do bioma Amazônico e posterior otimização do meio de cultura para aumentar a produção de celulases a serem utilizadas na hidrólise de bagaço de cana-de-açúcar para produção de etanol de segunda geração. Para isso, primeiro serão realizados experimentos para definição das condições de biossíntese para a linhagem selvagem. Em seguida será efetuada mutação do fungo selvagem Trichoderma harzianum por meio de luz ultravioleta e o melhor produtor de celulases será selecionado. Estes sofrerão nova mutação pelo agente mutagênico etil metil sulfonado (EMS), seguida da seleção do melhor produtor de celulase. Por fim a otimização da composição do meio de cultura para o melhor mutante obtido será realizada. Será realizada fermentação em bioreator com o melhor mutante em seu meio de cultura otimizado para obtenção do extrato enzimático, que será usado para hidrolisar bagaço de cana-de açúcar pré-tratado.