Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de diferentes métodos de criopreservação de sêmen e do efeito do tratamento com agentes antioxidantes nas características seminais de BUGIO-PRETO (Alouatta caraya) pós-descongelação

Processo: 12/24709-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2013
Vigência (Término): 30 de junho de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Mario Binelli
Beneficiário:Fernanda Maria de Carvalho
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):14/15847-1 - Criopreservação de sêmen de macaco rhesus (Macaca mulatta)e avaliação da qualidade pós-descongelação por meio de FIV, BE.EP.DR
Assunto(s):Antioxidantes   Espermatozoides   Bugio   Animais silvestres   Criopreservação

Resumo

A presença de ameaças constantes à sobrevevivência dos primatas não humanos gera a necessidade de intervenção com técnicas de reprodução assistida. Um estudo recente avaliou diferentes protocolos de criopreservação para sêmen de Alouatta caraya. Os melhores resultados foram obtidos com crioprotetor à base de gema de ovo com glicerol a 4%, porém os resultados não foram satisfatórios. Com base nos resultados deste último estudo e de estudos com outras espécies, foi elaborado o presente projeto. O estudo será dividido em dois experimentos: Experimento I - determinação da concentração de glicerol e da curva de congelação para criopreservação de sêmen desta espécie; Experimento II - avaliação dos efeitos da adição de DHA e de vitamina E ao sêmen desta espécie. Serão utilizados dois animais da Fundação Parque Zoológico de São Paulo, São Paulo - SP e cinco animais do Centro Nacional de Primatas, Ananindeua - PA, totalizando sete animais. Para comparação dos diferentes protocolos serão avaliados os parâmetros motilidade, morfologia espermática, integridade de membrana plasmática, integridade de acrossoma, atividade citoquímica mitocondrial, suscetibilidade ao estresse oxidativo (TBARS) e suscetibilidade da cromatina à desnaturação ácida (SCSA). Adicionalmente, será utilizada a técnica de espectroscopia no infravermelho por transformada de Fourier (FTIR, do inglês Fourier Transform Infrared Spectroscopy), para obtenção de dados a respeito da composição do espermatozoide antes e depois da criopreservação. Os dados serão analisados por meio do software estatístico SAS System for Windows.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
CARVALHO, Fernanda Maria de. Criopreservação de sêmen de primatas não-humanos. 2016. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.