Busca avançada
Ano de início
Entree

Potenciais evocados auditivos com estímulo de fala em crianças usuárias de aparelho de amplificação sonora individual

Processo: 12/18633-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2013
Vigência (Término): 31 de março de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fonoaudiologia
Pesquisador responsável:Carla Gentile Matas
Beneficiário:Renata Aparecida Leite
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Crianças   Perda auditiva   Aparelho de amplificação sonora individual
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:amplificação sonora | crianças | estímulo de fala | perda auditiva | Plasticidade | Potencial evocado auditivo | Eletrofisiologia da Audição

Resumo

O presente estudo tem como objetivo caracterizar e comparar os potenciais evocados auditivos de curta e longa latência em crianças com perda auditiva neurossensorial, pré e pós-adaptação do Aparelho de Amplificação Sonora Individual (AASI). Serão avaliadas 30 crianças na faixa etária de 7 a 12 anos, sendo 15 com perda auditiva neurossensorial de grau leve a moderadamente severo bilateral com simetria entre as orelhas, sem experiência prévia com qualquer tipo de dispositivo de amplificação sonora (grupo estudo) e 15 sem alterações auditivas e de linguagem (grupo controle). Tanto as crianças do grupo estudo como controle serão submetidas à audiometria tonal, medidas de imitância acústica, potencial evocado auditivo de tronco encefálico e potencial evocado auditivo de longa latência (P1,N1,P2,P300), e somente as crianças do grupo estudo serão submetidas à avaliação de percepção de fala, levando-se em consideração a idade e o nível de desenvolvimento das habilidades auditivas. A avaliação da percepção de fala será realizada por meio do: Glendonald Auditory Screening Procedure (GASP) e Listas de Palavras Dissílabas. O grupo estudo será reavaliado após 3 e 9 meses de uso de amplificação sonora e o grupo controle após 3 e 9 meses da avaliação inicial. Portanto, a presente pesquisa pretende verificar o desenvolvimento da via auditiva em crianças usuárias de AASI e, por ser um estudo longitudinal, será possível acompanhar a evolução do desenvolvimento das habilidades auditivas e da plasticidade do sistema auditivo ao longo do tempo de uso do dispositivo eletrônico, avaliando a efetividade e os benefícios da amplificação sonora.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LEITE, RENATA APARECIDA; LEITE MAGLIARO, FERNANDA CRISTINA; RAIMUNDO, JEZIELA CRISTINA; GANDARA, MARA; GARBI, SERGIO; BENTO, RICARDO FERREIRA; MATAS, CARLA GENTILE. Efeito do uso do AASI na decodificação do estímulo de fala por meio do Peate-fala. Brazilian Journal of Otorhinolaryngology, v. 84, n. 1, p. 66-73, . (12/18633-7)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.