Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito neuroprotetor do canabidiol em neurônios medulares e neurônios sensitivos do gânglio dorsal após esmagamento do nervo isquiático em ratos neonatos: papel dos receptores canabinóideos CB1 e CB2

Processo: 12/22751-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2013
Vigência (Término): 05 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Anatomia
Pesquisador responsável:Alexandre Leite Rodrigues de Oliveira
Beneficiário:Matheus Perez
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Fármacos neuroprotetores   Neuroproteção   Recém-nascido   Plasticidade neuronal   Nervo isquiático   Neurociências   Canabidiol

Resumo

O sistema nervoso é um dos tecidos mais sensíveis do organismo e está sujeito a diversas condições patológicas, seja através de doenças neurodegenerativas como a doença de Parkinson, a esclerose lateral amiotrófica e doença Alzheimer, ou através de traumas mecânicos. Essas injúrias, que podem atingir o sistema nervoso tanto na fase adulta como neonatal, se tornam mais graves devido à limitada capacidade regenerativa do tecido nervoso. Apesar do neonato apresentar uma capacidade de regeneração maior que o adulto, esta também é limitada podendo, assim, resultar em danos irreversíveis e incapacitantes. Com o intuito de melhor entender os processos que ocorrem em resposta às lesões no sistema nervoso, tanto na fase adulta como neonatal e assim fornecer bases para novas terapias, diversos modelos experimentais têm sido propostos como, por exemplo, a transecção ou esmagamento de nervo periférico. Além disso, o uso de substâncias com propriedades neuroprotetoras tem sido estudado no processo de regeneração e plasticidade sináptica, com o intuito de evitar a morte neuronal após lesão no sistema nervoso. Nesse sentido, o canabidiol (CBD) surge como uma possível estratégia no tratamento de injúrias devido a suas propriedades antioxidantes e neuroprotetoras. Estudos recentes relacionam os mecanismos de ação do CBD aos receptores canabinóides. Desta maneira, estes receptores, assim como o sistema endocanabinóide, tornam-se alvos para novos estudos. O presente trabalho tem como objetivo investigar o potencial neuroprotetor do canabidiol e sua possível ação através de receptores canabinóides. Para isso, serão utilizados ratos neonatos da linhagem Wistar, que serão divididos em cinco grupos experimentais: 1) esmagamento do nervo isquiático e tratamento com o canabidiol (grupo CDB); 2) esmagamento do nervo isquiático e tratamento placebo (grupo PB); 3) esmagamento do nervo isquiático e tratamento com CBD + antagonista de receptor CB1 (grupo CBD+ant-CB1); 4) esmagamento do nervo isquiático e tratamento com CBD + antagonista de receptor CB2 (grupo CBD + ant-CB2) e 5) esmagamento do nervo e tratamento com CBD + antagonista de receptores CB1 e CB2 (grupo CBD + ant-CB1/CB2). Para avaliar a expressão de GFAP, Iba-1, sinaptofisina e receptores CB1 e CB2 utilizaremos a técnica de imunoistoquímica. Para avaliação da sobrevivência de neurônios motores medulares e sensitivos, utilizaremos a coloração de Nissl e posterior análise ao microscópio de luz. Já para a avaliação e quantificação relativa da expressão dos genes CB1, CB2, BDNF, GDNF e NGF, utilizaremos a técnica RT-PCR em tempo real e, para avaliação funcional da marcha, utilizaremos o sistema CATWALK .

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PEREZ, MATHEUS; CARTAROZZI, LUCIANA POLITTI; CHIAROTTO, GABRIELA BORTOLANCA; DE OLIVEIRA, SIMONE ALVES; GUIMARAES, FRANCISCO SILVEIRA; RODRIGUES DE OLIVEIRA, ALEXANDRE LEITE. Neuronal preservation and reactive gliosis attenuation following neonatal sciatic nerve axotomy by a fluorinated cannabidiol derivative. Neuropharmacology, v. 140, p. 201-208, SEP 15 2018. Citações Web of Science: 1.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.