Busca avançada
Ano de início
Entree

Eletroporação e fusão de vesículas eletricamente carregadas

Processo: 13/07246-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2013
Vigência (Término): 31 de maio de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Biofísica Molecular
Pesquisador responsável:Karin Do Amaral Riske
Beneficiário:Rafael Bezerra de Lira
Supervisor no Exterior: Rumiana Dimova
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Max Planck Society, Potsdam, Alemanha  
Vinculado à bolsa:11/22171-6 - Estudo das propriedades biofísicas de vesículas unilamelares gigantes como modelo para entrega intracelular de materiais: eletroporação e fusão de membranas, BP.DR
Assunto(s):Membranas (biologia)   Lipossomas unilamelares   Microscopia óptica

Resumo

Vesículas unilamelares gigantes (GUVs) são bons modelos de membrana para investigação de processos biológicos. Seu uso permite que os eventos estudados possam ser observados por microscopia ótica. Neste projeto, propomos estudar vários aspectos biofísicos de membranas de GUVs negativamente carregadas na presença de um campo elétrico - pulso elétrico, e durante a fusão com membranas de cargas opostas. Esses experimentos serão realizados no Instituto Max Plank de Coloides e Interfaces, onde várias ferramentas avançadas estão disponíveis. Especialmente, o uso de uma câmera de alta resolução temporal permitirá medir a tensão de linha do poro na GUVs contendo diferentes frações do lipídeo negativamente carregado POPG, e eventualmente do lipídeo positivamente carregado, DOTAP. Essas medidas irão direcionar na condução dos experimentos subsequentes, incluindo a medida do módulo de curvatura da membrana, composição lipídica da borda do poro, tamanho de poros remanescentes após a aplicação do pulso elétrico, tipo de lipídeos usados para fusão entre membranas, entre outras. Em conjunto, essas informações esclarecem o papel de cargas elétricas no desenvolvimento de vários processos que ocorrem não apenas em membranas-modelo, mas também em células vivas. (AU)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LIRA, RAFAEL B.; ROBINSON, TOM; DIMOVA, RUMIANA; RISKE, KARIN A. Highly Efficient Protein-free Membrane Fusion: A Giant Vesicle Study. BIOPHYSICAL JOURNAL, v. 116, n. 1, p. 79-91, JAN 8 2019. Citações Web of Science: 6.
LIRA, RAFAEL B.; STEINKUEHLER, JAN; KNORR, ROLAND L.; DIMOVA, RUMIANA; RISKE, KARIN A. Posing for a picture: vesicle immobilization in agarose gel. SCIENTIFIC REPORTS, v. 6, MAY 3 2016. Citações Web of Science: 17.
YU, MIAO; LIRA, RAFAEL B.; RISKE, KARIN A.; DIMOVA, RUMIANA; LIN, HAO. Ellipsoidal Relaxation of Deformed Vesicles. Physical Review Letters, v. 115, n. 12 SEP 18 2015. Citações Web of Science: 15.
LIRA, RAFAEL B.; DIMOVA, RUMIANA; RIEKE, KARIN A. Giant Unilamellar Vesicles Formed by Hybrid Films of Agarose and Lipids Display Altered Mechanical Properties. BIOPHYSICAL JOURNAL, v. 107, n. 7, p. 1609-1619, OCT 7 2014. Citações Web of Science: 30.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.