Busca avançada
Ano de início
Entree

Bolsa de treinamento técnico 3 (TT3) concedida como cota de bolsa orçamentária do projeto 2011/50146-6 intitulado Filogeografia comparada, filogenia, modelagem paleoclimática e taxonomia de répteis e anfíbios neotropicais

Processo: 13/07239-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de maio de 2013
Vigência (Término): 30 de abril de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Miguel Trefaut Urbano Rodrigues
Beneficiário:Emanuela Vieira Gomes
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/50146-6 - Filogeografia comparada, filogenia, modelagem paleoclimática e taxonomia de répteis e anfíbios neotropicais, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Anfíbios   Filogenia   Filogeografia

Resumo

A bolsista deverá garantir apoio técnico ao projeto de pesquisa Biota FAPESP processo 2011/50146-6 e será responsável por incorporar os dados colhidos no projeto Biota no site do SINBIOTA e também incorporar todos os dados obtidos com as viagens de levantamento da fauna de vertebrados terrestres da área sob a influência das Linhas de Transmissão Itaberá-Tijuco Preto III (São Paulo) e Ivaiporã-Itaberá III (Paraná) de responsabilidade de FURNAS Centrais Elétricas SA. O levantamento ocorreu no período de dezembro de 2001 a julho de 2001 (localidades: São Bernardo do Campo, Juquitiba, Piedade e Buri, do Estado de São Paulo), de junho a outubro de 2002 (localidades: Wenceslau Braz, Pinhalão e Ortigueira, do Estado do Paraná), e de setembro de 2005 a fevereiro de 2007 (localidades: Bertioga, São Bernardo do Campo, Piedade e Buri, Estado de São Paulo), englobando anfíbios, répteis, aves e pequenos mamíferos. Devido à grande importância das áreas de floresta atlântica que englobam as regiões das Linhas de Transmissão e que vêm sendo continuamente destruídas por desmatamentos, caça, retirada de madeira, utilização de agrotóxicos, fogo e manejo inadequado do solo, dentre outros, a incorporação dos dados deixará um registro documentado da existência temporal das comunidades de vertebrados terrestres que viviam na área de modo a permitir comparações futuras. Esses dados são o testemunho da fauna dessas localidades e são de grande importância para futuros projetos de conservação. (AU)