Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito DA radiação gama ná qualidade pós-colheita dè camu-camu (Myrciaria dubia (H.B.K.) McVaugh)

Processo: 13/04452-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2013
Vigência (Término): 30 de abril de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Pesquisador responsável:Marta Helena Fillet Spoto
Beneficiário:Carolina Camargo Nogueira Sales
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Fruto   Conservação   Vida útil   Irradiação

Resumo

O camu-camu (Myrciaria dubia (H.B.K.) McVaugh) é um fruto nativo das várzeas amazônicas que tem despertado grande interesse na comunidade científica pelo seu elevado teor de ácido ascórbico e pela boa adaptação em terra firme, sendo cultivado principalmente no estado de São Paulo. Esse fruto ainda permanece desconhecido e sua comercialização se restringe a uma pequena escala, não sendo encontrado nas redes de supermercado em geral. Isso se deve, principalmente, à falta de divulgação à população assim como às técnicas de conservação do fruto, bem como à conscientização dos produtores para ampliar o seu cultivo. Daí a importância de se estudar alternativas de conservação dos frutos de camu-camu, que carecem de pesquisas na área da ciência e tecnologia. Com o intuito de aumentar a vida útil através de um tratamento fitossanitário e uma possível diminuição da taxa respiratória, o objetivo desta pesquisa é caracterizar o fruto de camu-camu em distintas doses de radiação gama (0; 0,5 e 1 kGy) sendo monitorados por um período de 30 dias em temperatura de refrigeração (15 ºC) e temperatura ambiente (25 oC) verificando assim, sua estabilidade oxidativa, propriedades nutricionais, características físico-químicas e atividade respiratória dos frutos.