Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo e Proposta de uma Engine para Jogos mais Universais

Processo: 12/22539-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de junho de 2013
Vigência (Término): 31 de maio de 2014
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação
Pesquisador responsável:Vânia Paula de Almeida Neris
Beneficiário:Franco Eusébio Garcia
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Acessibilidade   Interface usuário-computador   Design universal

Resumo

Jogos são cada vez mais utilizados para entretenimento, lazer e como ferramenta para a educação. No entanto, não se observa um aumento de acessibilidade correspondente ao aumento da utilização e da importância destes sistemas de software. O Design Universal apresenta-se como alternativa para o desenvolvimento de soluções usáveis e acessíveis ao maior número possível de pessoas, independentemente de suas capacidades físicas, cognitivas e emocionais. Em jogos, o Design Universal apresenta-se em fase incipiente. Até o momento, poucos jogos universais foram criados. O design dos jogos existentes seguiu o Unified Design, processo que norteia a realização do design de forma mais abstrata e independente de modalidades específicas e que pode ser especializado por tailoring - modificação da aplicação de acordo com seu contexto de uso. Entretanto, a implementação do design obtido é deixada a cargo do desenvolvedor. Este projeto visa propor uma game engine, que implemente o design resultante do Unified Design e facilite o desenvolvimento de novos jogos mais universais. Para isto, pretende-se explorar padrões e arquiteturas de software e o modelo Entity-Component de modo a permitir alterações na interface de usuário e em sua apresentação em tempo de execução, sem, contudo, alterar a lógica e as regras do jogo. Espera-se permitir a criação de diversas interfaces para o mesmo jogo que possam explorar necessidades e capacidades de diferentes usuários. Assim, o usuário, ao jogar, poderá escolher a interface mais adequada às suas necessidades dentre as disponíveis. O jogo, por sua vez, será apresentado em modalidades acessíveis ao jogador. Espera-se, com isto, obter um jogo acessível para um número maior de pessoas e, neste sentido, mais universal.