Busca avançada
Ano de início
Entree

Abordagem proteômica para identificação de proteínas associadas à tolerância ao estresse em conídios do fungo entomopatogênico Metarhizium acridum

Processo: 13/02486-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de junho de 2013
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Gilberto Úbida Leite Braga
Beneficiário:Guilherme Thomaz Pereira Brancini
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Proteômica   Eletroforese em gel bidimensional   Metarhizium

Resumo

Conídios são estruturas especializadas produzidas por muitas espécies de fungos filamentosos na fase final de seu desenvolvimento. Os conídios são importantes na reprodução, dispersão e persistência ambiental. No caso de espécies entomopatogênicas do gênero Metarhizium, os conídios também são responsáveis pelo reconhecimento e infecção do hospedeiro. Apesar de sua importância, diversos aspectos da biologia dos conídios, incluindo os seus proteomas, continuam pouco conhecidos. Variações em fatores físicos (temperatura, luz) e/ou químicos(composição, pH) do meio, durante o desenvolvimento dos fungos, podem alterar características importantes dos conídios, comoa virulência e a tolerância ao estresse. Sabe-se que a luz é um dos fatores responsáveis pelo aumento da tolerância ao estresse em Metarhizium spp. O nosso grupo já estabeleceu mapas comparativos do proteoma de conídio e de micélio de M. acridum, utilizando eletroforese bidimensional (2-DE) e espectrometria de massas (MALDI-TOF/TOF). Esses mapas serão importantes para identificar o efeito de variações em fatores ambientais - presentes durante o desenvolvimento do fungo - no proteoma dos conídios produzidos. Osobjetivos gerais do projeto são comparar o proteoma de conídios de M. acridum crescidosna presença e na ausência de luz e determinar possíveis proteínas induzidas ou suprimidas por essa condição de crescimento, que possam estar associadas ao aumento da tolerância dos conídios a fatores ambientais, como radiação UV e temperatura.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BRANCINI, GUILHERME T. P.; RANGEL, DRAUZIO E. N.; BRAGA, GILBERTO U. L. Exposure of Metarhizium acridum mycelium to light induces tolerance to UV-B radiation. FEMS Microbiology Letters, v. 363, n. 6 MAR 2016. Citações Web of Science: 8.
PEREIRA BRANCINI, GUILHERME THOMAZ; RODRIGUES, GABRIELA BRAGA; LIMA RAMBALDI, MARIANA DE SOUZA; IZUMI, CLARICE; YATSUDA, ANA PATRICIA; WAINWRIGHT, MARK; ROSA, JOSE CESAR; LEITE BRAGA, GILBERTO UBIDA. The effects of photodynamic treatment with new methylene blue N on the Candida albicans proteome. PHOTOCHEMICAL & PHOTOBIOLOGICAL SCIENCES, v. 15, n. 12, p. 1503-1513, 2016. Citações Web of Science: 9.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
BRANCINI, Guilherme Thomaz Pereira. Abordagem proteômica para estudos de fotobiologia e fotoinativação de fungos. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.