Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento embriológico de Brevipalpus phoenicis (Acari: Tenuipalpidae): vetor da leprose dos citros

Processo: 13/07369-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2013
Vigência (Término): 31 de maio de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Valdenice Moreira Novelli
Beneficiário:Thaís Elise Sinico
Instituição-sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Embriologia   Vetores de doenças   Entomologia

Resumo

Ácaros do gênero Brevipalpus (Tenuipalpidae) têm relevante importância econômica pois abrangem espécies vetoras de vírus de plantas que causam grandes danos em algumas culturas e, consequentemente, prejuízos significativos ao setor agrícola. Dentro do gênero Brevipalpus, destaca-se a espécie Brevipalpus phoenicis, a qual é vetora do Citrus leprosis virus C (CiLV-C), causador da leprose dos citros. Apesar de o ácaro ter distribuição mundial, a doença ainda é restrita a América do Sul e Central, e causa grandes prejuízos principalmente à citricultura paulista, que é a maior região produtora mundial de laranja. Para combater esse vetor, os produtores investem milhões de dólares em acaricidas, produto que pode causar resistência nas populações de ácaros, além de seu alto custo e eventuais prejuízos ao meio ambiente. Nos últimos anos novas informações foram disponibilizadas sobre os diferentes atores que envolvem o patossistema leprose, tais como os resultados do sequenciamento completo do genoma do CiLV-C, de estudos sobre resistência e/ou tolerância à leprose em diferentes espécies de citros, dados sobre expressão diferencial de genes em plantas suscetíveis e tolerantes. Porém, ainda são poucos os trabalhos com foco no vetor e seus aspectos biológicos, morfológicos e genéticos. Sendo assim, dada a escassez de informações básicas sobre o vetor, este projeto tem como objetivo realizar um estudo embriológico de B. phoenicis, contribuindo para o conhecimento de sua biologia do desenvolvimento e posição taxonômica, a qual deverá em breve ser reformulada devido a presença de tipos distintos desse ácaro no Brasil. Espera-se a curto-médio prazo obter resultados para melhor entendimento sobre esta importante espécie vetora, seu desenvolvimento e a relação com o patossistema leprose dos citros. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)