Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo dos mecanismos moleculares de ação do receptor nuclear órfão COUP-TFII durante o desenvolvimento das câmaras cardíacas

Processo: 12/14859-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2013
Vigência (Término): 31 de maio de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Embriologia
Pesquisador responsável:José Xavier Neto
Beneficiário:Carlo Donato Simões Caiaffa Feliciano de Carvalho
Instituição-sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Células-tronco embrionárias   Ácido retinoico   Receptores nucleares órfãos   Fator II de transcrição COUP   Cadeias pesadas de miosina   Expressão gênica   Técnicas do sistema de duplo-híbrido

Resumo

O desenvolvimento embrionário integra diferentes níveis de organização que são ativados e distribuídos durante os eventos de especialização celular em tecidos e órgãos. Nos últimos 14 anos, nosso grupo gerou fortes evidências de que a sinalização pelo ácido retinóico (AR) é fundamental para a especificação das células progenitoras cardíacas em domínios anteriores e posteriores, que originam tecidos ventriculares e sino-atriais respectivamente. Durante o início da somitogênese, o AR induz uma onda caudo-rostral de expressão de RALDH2, que se estende da placa lateral da mesoderme até a região posterior do campo cardíaco. O gene SMyHC3 (slow myosin heavy chain 3), caracterizado inicialmente em codornas (Coturnix japonica), apresenta um padrão de expressão preferencial no átrio devido a presença de elementos contidos na região promotora, responsáveis por ativar este gene nas células precursoras de átrios e reprimi-lo em precursores de ventrículos. Para compreender esta característica, um fragmento de 840 pares de bases do promotor do gene SMyHC3 foi utilizado para dirigir a expressão da fosfatase alcalina humana (HAP) em camundongos transgênicos. A marcação do gene repórter indicou que o transgene é induzido por AR, e que a ativação do promotor se localiza na região sino-atrial, um padrão de expressão coincidente com os territórios cardíacos ricos na expressão de RALDH2, e com a produção de AR endógeno. Nosso grupo isolou um elemento complexo de resposta a receptores nucleares com 33 pb (ECRRN), que está inserido em um domínio de regulação atrial no promotor do gene SMyHC3. Ensaios de mobilidade eletroforética, utilizando uma sonda controle para competir contra o ECRRN pela ligação a receptores de AR (RAR/RXR), demonstram que o heterodímero RAR/RXR não exerce influência significativa sobre o promotor do gene SMyHC3, sugerindo que o papel do AR na ativação do promotor pode ser indireto. Resultados recentes do nosso grupo demonstram que o receptor nuclear órfão COUP-TFII (Chicken Ovalbumin Upstream Promoter - Transcription Factor 2) é capaz de ativar a região promotora de SMyHC3 em ensaios de transfecção, enquanto experimentos de RNA de interferência contra COUP-TFII inibiram a ativação. Com a finalidade de dissecar o mecanismo de ativação do promotor SMyHC3, pretendemos identificar os parceiros de interação com COUP-TFII utilizando a tecnologia de duplo-híbrido em leveduras. Em uma abordagem paralela empregaremos o sistema mono-híbrido para identificar as proteínas capazes de se associar ao ECRRN. Para descobrir o complexo de ligantes que interage com COUP-TFII, à jusante da ação do AR durante a especificação das câmaras cardíacas, uma estratégia que associa imunoprecipitação e espectrometria de massas também será utilizada no decorrer deste projeto. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
XAVIER-NETO, JOSE; SOUSA COSTA, ANGELA M.; FIGUEIRA, ANA CAROLINA M.; CAIAFFA, CARLO DONATO; DO AMARAL, FABIO NEVES; CERQUEIRA PERES, LARA MALDANIS; PIRES DA SILVA, BARBARA SANTOS; SANTOS, LUANA NUNES; MOISE, ALEXANDER R.; CASTILO, HOZANA ANDRADE. Signaling through retinoic acid receptors in cardiac development: Doing the right things at the right times. BIOCHIMICA ET BIOPHYSICA ACTA-GENE REGULATORY MECHANISMS, v. 1849, n. 2, SI, p. 94-111, FEB 2015. Citações Web of Science: 26.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.