Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da maturação sobre a expressão gênica durante a germinação e estabelecimento de plântulas de soja (Glycine max (L.) Merr.)

Processo: 13/04598-8
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2013
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Edvaldo Aparecido Amaral da Silva
Beneficiário:Rubiana Falopa Rossi
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):14/00533-1 - Influência da maturação sobre a expressão gênica durante a germinação e estabelecimento de plântulas de soja (Glycine max (L.) Merr.), BE.EP.DR
Assunto(s):Anatomia vegetal   Ácido abscísico   Glycine max   Fisiologia vegetal   Biologia molecular
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:ácido abscisico | anatomia vegetal | Biologia molecular | Fisiologia vegetal | Germinabilidade | Glycine max | Produção de Sementes

Resumo

Sementes de soja com qualidade inferior são mais propensas a ocorrer em condições tropicais, levando a ocorrência de estande reduzido e baixa produtividade. A produção de sementes com alta qualidade fisiológica é fundamental para a expansão da soja no Brasil. No entanto, avanços na qualidade das sementes é impedida por evidências conflitantes sobre quando as várias características de qualidade fisiológica de sementes de soja são adquiridas e perdidas durante a maturação e, é limitado pela falta de informação sobre os genes que regulam esta fase da semente e a relação entre os mesmos. Assim, o projeto visa a identificação de um conjunto de genes candidatos que supostamente regem a qualidade fisiológica das sementes de soja durante a aquisição da capacidade de germinar e associá-los com mudanças citológicas e o conteúdo de ABA. Os avanços da genômica em soja e o desenvolvimento de ferramentas de acesso livre de bioinformática permitem estudar quais genes reguladores e a interação entre eles são importantes no controle das várias fases do desenvolvimento de sementes. Nesse projeto, será estudada uma característica importante da qualidade de sementes, que é adquirida durante o desenvolvimento a germinabilidade, que é definida como a capacidade de uma semente de se desenvolver, germinar e originar uma plântula. Este trabalho será conduzido na Faculdade de Ciências Agronômicas, FCA/UNESP - Botucatu-SP em parceria com o Research Institute on Horticulture and Seeds (RIHS), Angers - França em um projeto de doutorado sandwich. O transcriptoma será monitorado durante a germinação e o estabelecimento das plântulas em sementes imaturas e comparado com os das sementes maduras usando uma abordagem multidisciplinar (incluindo fisiologia, bioquímica e análise de transcriptoma). Em paralelo, será realizado estudos anatômicos e quantificação de ácido abscísico. Estas informações serão importantes para conhecer genes associados com a qualidade das sementes e fornecer indicadores moleculares de qualidade.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
ROSSI, Rubiana Falopa. Influência da maturação de sementes na qualidade fisiológica de leguminosas. 2016. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista (Unesp). Faculdade de Ciências Agronômicas. Botucatu Botucatu.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.