Busca avançada
Ano de início
Entree

Biodiversidade e taxonomia da protozoofauna presente em amostras de água bruta superficial e sedimento do Rio Atibaia, na cidade de Campinas, São Paulo, Brasil

Processo: 13/09772-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de junho de 2013
Vigência (Término): 31 de maio de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Regina Maura Bueno Franco
Beneficiário:Tenille Filócomo Zancanari
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/50244-8 - Biodiversidade e taxonomia da protozofauna presente em amostras de água bruta superficial e sedimento do Rio Atibaia, na cidade de Campinas, São Paulo, Brasil, AP.BTA.R
Assunto(s):Poluição da água   Biodiversidade   Cryptosporidium   Giardia

Resumo

O abastecimento de água potável microbiologicamente insegura é um problema de saúde pública em todo o mundo. Os protozoários parasitas Giardia spp. e Cryptosporidium spp. são reconhecidos como importantes agentes patogênicos das doenças transmitidas pela água e estão associados com a doença intestinal grave. A caracterização molecular das espécies e genótipos de Cryptosporidium spp. e Giardia spp. em amostras de água surgiu como uma ferramenta para o monitoramento de avaliação de risco para a Saúde Pública. O Rio Atibaia, principal manancial que abastece a cidade de Campinas, São Paulo, apresenta-se sob o impacto de uma grande carga poluidora proveniente do esgoto doméstico in natura das cidades presentes em sua bacia hidrográfica. Estudos no Brasil acerca da caracterização molecular desses protozoários encontrados em amostras ambientais são escassos. Sendo assim, é evidente a importância de estudos moleculares nas amostras ambientais que busquem conhecer o genótipo/espécie a fim de elucidar a epidemiologia desses protozoários, entender as principais fontes de contaminação para que ações corretivas ou preventivas sejam mais eficazes. Estudos recentes realizados na região de Campinas, SP, encontraram maior número de amostras positivas para Giardia spp. e maior frequência de positividade e maior concentração de oocistos no Rio Atibaia. Tais estudos enfatizaram a importância da realização de estudos moleculares visando determinar a fonte de contaminação dos mananciais da Região Metropolitana de Campinas. O objetivo da presente proposta será realizar a caracterização molecular das espécies de Giardia e Cryptosporidium, a partir dos cistos e oocistos encontrados nas amostras de água bruta e sedimento do Rio Atibaia, contribuindo desta forma para esclarecer e ampliar os conhecimentos sobre a epidemiologia destas parasitoses no município de Campinas, SP. Após a filtração em membranas de ésteres mistos de celulose das amostras de água bruta superficial e centrífugo-concentração das amostras de sedimento, e eluição dos organismos alvo, estes serão submetidos a extração do DNA. A caracterização molecular de Giardia spp. e Cryptosporidium spp. será realizada mediante utilização de kit comercial para a extração do DNA e, amplificação com primers específicos do gene SSU RNA para Giardia. Para a detecção molecular da presença de Cryptosporidium, serão realizadas amplificações do gene da região 18S rDNA na primeira etapa, e na segunda etapa o gene 826 SSU rRNA. Os produtos da segunda reação de PCR (Nested) serão purificados mediante o uso de kits comerciais. Os produtos da nested PCR serão também sequenciados e as sequências obtidas serão comparadas com genótipos de referência depositados no genBank, através de alinhamento global, com o software CLUSTAL W. A presente proposta de pesquisa irá contribuir para o conhecimento, em nível molecular, das espécies/genótipos de Giardia e Cryptosporidium que atuam como fontes de contaminação do Rio Atibaia, frente a carga poluidora que o mesmo recebe. (AU)