Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento e avaliação de métodos de pré-concentração dos produtos de degradação de fluoroquinolonas utilizando extração em fase sólida (SPE) e cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC)

Processo: 13/07454-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2013
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Alvaro José dos Santos Neto
Beneficiário:Amanda Hikari Imamura
Instituição-sede: Instituto de Química de São Carlos (IQSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Cromatografia líquida de alta eficiência   Extração em fase sólida   Fluoroquinolonas

Resumo

A presença de fármacos em ambientes aquáticos e terrestres, mesmo que em baixas concentrações é preocupante devido ao vasto desequilíbrio ambiental que podem provocar, como a inibição do crescimento populacional de cianofíceas e aumento da resistência bacteriana. Em específico, as fluoroquinolonas (FQs) são antibióticos amplamente consumidos na medicina humana e veterinária pelo seu amplo espectro de ação contra bactérias Gram-negativas e também Gram-positivas. Como os fármacos são refratários aos tratamentos convencionais de esgoto, estes permanecem e prosseguem no ambiente aquático e eventualmente atingem o ambiente terrestre. Dentro desse contexto, diversas pesquisas propondo meios de degradação de fármacos em geral estão sendo desenvolvidas, como os processos oxidativos avançados em que fármacos são oxidados por radicais hidroxilas a compostos mais suscetíveis à biodegradação e menos tóxicos. Entretanto, os subprodutos e produtos de degradação podem apresentar maior toxicidade em relação ao fármaco. Desse modo, o trabalho tem como objetivo desenvolver métodos de pré-concentração e preparo de amostras, por meio da extração de fase sólida (SPE), de amostras contendo produtos de degradação das FQs e avalia-lo por cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC). Espera-se que o trabalho concluído auxilie no desenvolvimento de rotas de degradação das FQs.