Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da fadiga muscular e do Kinesio Taping no senso de posição articular do ombro

Processo: 13/14081-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2014
Vigência (Término): 31 de julho de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Stela Márcia Mattiello
Beneficiário:Gisele Garcia Zanca
Supervisor no Exterior: Andrew Robert Karduna
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Oregon (UO), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:12/05146-0 - Efeitos do Kinesio Taping na cinemática escapular e propriocepção do ombro após fadiga muscular, BP.DR
Assunto(s):Fadiga muscular   Ombro   Propriocepção

Resumo

Sabe-se que a fadiga muscular gera déficits proprioceptivos, o que pode predispor sujeitos que realizam movimentos repetitivos dos membros superiores em atividades esportivas ou laborais a lesões no complexo do ombro. O Kinesio tape (KT) é uma bandagem elástica que, dentre outros efeitos, sugere-se que melhora a propriocepção. O objetivo deste estudo é investigar os efeitos de uma técnica de KT para facilitação do músculo deltóide no senso de posição articular do ombro após fadiga muscular. Serão incluídos quinze sujeitos, de ambos os sexos, avaliados em três sessões (controle, KT com tensão e KT sem tensão), em ordem aleatória, com uma semana de intervalo entre elas. Em todas as sessões, o senso de posição articular do ombro será avaliado, antes e após um protocolo de fadiga muscular, por meio de um teste de reposicionamento articular ativo em três ângulos alvo (50º, 90º e 110º de abdução do ombro), utilizando um aplicativo para iPod touch, desenvolvido no Orthopaedic Biomechanics Laboratory, da University of Oregon. Na sessão controle, os sujeitos serão avaliados sem a aplicação da bandagem. Nas sessões KT, a bandagem será aplicada, com ou sem tensão, imediatamente antes do protocolo de fadiga. As mudanças no erro de reposicionamento articular ("pós-fadiga" menos "pré-fadiga") serão comparadas entre as sessões por meio de análises de variância de medidas repetidas, considerando um nível de significância de 5%. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ZANCA, GISELE G.; MATTIELLO, STELA M.; KARDUNA, ANDREW R. Kinesio taping of the deltoid does not reduce fatigue induced deficits in shoulder joint position sense. CLINICAL BIOMECHANICS, v. 30, n. 9, p. 903-907, NOV 2015. Citações Web of Science: 10.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.