Busca avançada
Ano de início
Entree

Curadoria de informação na artemídia

Processo: 13/01465-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2013
Vigência (Término): 31 de julho de 2014
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Fundamentos e Crítica das Artes
Pesquisador responsável:Giselle Beiguelman
Beneficiário:Ciro Fico Vieira da Rocha
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Banco de dados

Resumo

O termo Curadoria de Informação tem aparecido com frequência em debates científicos e informais na internet. O "Encontros com o Futuro", realizado pelo Grupo de Pesquisa em Comunicação, "Jornalismo e Mídias Digitais", na ECA-USP (2011), e os seminários "Rumos Jornalismo Cultural", realizado pelo Itaú Cultural (2012), e "Futuros Possíveis: Arte, Museus e Arquivos Digitais", que aconteceu na FAUUSP, são alguns exemplos de eventos que se dedicaram ao tema recentemente no Brasil. Apesar das diferentes abordagens, estes exemplos permitem concluir que a proliferação do termo, e a emergência desse campo de estudos, está diretamente relacionada à necessidade de novas modalidades de filtragem dos dados existentes nas redes digitais, suscitando o questionamento de se, por meios das ferramentas de busca existentes, essa curadoria é de fato passível de ser exercida. Nos sites especializados sobre o tema, não relacionados às práticas de curadoria artística, como Content Curation World, nota-se que é privilegiado o estudo de ferramentas, orientadas ao aumento e fidelização de audiência, o que conflui para uma compreensão da curadoria limitada ao poder de algoritmos e ao fomento de uma abordagem limitada a um possível "darwinismo social dos dados" (Beiguelman, 2011). Em contraposição a essa abordagem e alinhada com a necessidade de pensar novas modalidades de filtragem dos dados existentes, a proposta desta pesquisa é a análise, de obras de artemídia que são elaboradas com a seleção de dados na web, podendo funcionar como parâmetros metodológicos e conceituais para novas práticas de Curadoria de Informação. (AU)