Busca avançada
Ano de início
Entree

Enunciação e intertextualidade no filme as horas, de Stephen Daldry

Processo: 12/24233-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2013
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2016
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Línguas Estrangeiras Modernas
Pesquisador responsável:Elizabeth Harkot-de-La Taille
Beneficiário:Taís de Oliveira
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):13/19891-2 - Imanência e intertextualidade no filme as horas, de Stephen Daldry: aspectos visuais, BE.EP.MS
Assunto(s):Enunciação   Intertextualidade

Resumo

Tendo por teoria norteadora a Semiótica Discursiva de linha francesa, propomos-nos a analisar o filme As horas (The Hours, Stephen Daldry, 2002), baseado no romance homônimo de Michael Cunningham (1998).O corpus escolhido é constituído por diversos intertextos, proporcionando vários níveis de leitura. Sua análise é, portanto, desafiadora, principalmente quanto ao recorte a ser adotado como definição daquilo que constitui seu "texto". O texto apresenta diferentes níveis de produção de efeitos de sentido, dependentes da competência do enunciatário em identificar remissões ou citações ali presentes. Nosso principal objetivo é analisar o filme As horas à luz da Semiótica Discursiva, identificando os elementos intertextuais contidos no texto em questão e desvelando seu papel no processo de construção dos efeitos de sentido da obra.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
OLIVEIRA, Taís de. Enunciação e intertextualidade no filme As Horas, de Stephen Daldry. 2016. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.