Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade de Gelidiales (Rhodophyta) no Brasil, com ênfase na região nordeste, com base em estudos morfológicos e DNA barcodes

Processo: 13/03105-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2013
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Taxonomia Vegetal
Pesquisador responsável:Mutue Toyota Fujii
Beneficiário:Mayra Jamas
Instituição-sede: Instituto de Botânica. Secretaria do Meio Ambiente (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Biodiversidade   Código de barras de DNA taxonômico   Gelidiales   Morfologia vegetal

Resumo

A ordem Gelidiales é monofilética e está inserida na classe Florideophyceae. Esta ordem compreende cerca de 140 espécies amplamente distribuídas em mares tropicais, subtropicais e temperados. Muitos representantes são economicamente importantes como fonte de agar-agar. Caracteres morfológicos como desenvolvimento do carposporófito, arranjo dos tetrasporângios, presença e padrão de distribuição de rizines, arranjo das células corticais, padrão de arquitetura do ápice e tipo de estrutura de fixação são tradicionalmente utilizados para a identificação de espécies e gêneros em Gelidiales. Entretanto, estes critérios têm se mostrado inconsistentes para a delimitação taxonômica, além de algumas espécies apresentarem grande variabilidade morfológica, aliada à dificuldade em encontrar plantas férteis, principalmente gametofíticas. Embora Gelidiales esteja sendo alvo de investigação com propósito de DNA barcoding (utilização de sequências curtas de DNA plastidial e mitocondrial para auxiliarem na identificação dos táxons) no estado de São Paulo, muitas lacunas no entendimento da taxonomia deste grupo ainda permanecem. Desta forma, no presente projeto serão incluídas amostragens em outras localidades do Brasil, dando ênfase ao litoral nordestino e aos locais considerados barreiras biogeográficas para outros organismos marinhos, tais como ambientes sob influência de ressurgência ou aporte de grande volume de água doce. Com este projeto pretende-se demonstrar a relevância do estudo taxonômico integrando dados moleculares, morfológicos e de distribuição geográfica para documentar a biodiversidade. Os marcadores moleculares selecionados para o presente projeto são: UPA (Universal Plastid Amplicon) e COI 5P ou Cox1 (gene mitocondrial que codifica para a enzima citocromo c oxidase I), com propósito de "DNA barcoding". A análise combinada de dados morfológicos, moleculares de distribuição geográfica permitirá, ainda, conhecer a plasticidade fenotípica dos táxons identificados em função dos diferentes ambientes onde crescem. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
JAMAS, MAYRA; IHA, CINTIA; OLIVEIRA, MARIANA C.; GUIMARAES, SILVIA M. P. B.; FUJII, MUTUE T. Morphological and molecular studies on Gelidiaceae and Gelidiellaceae (Gelidiales, Rhodophyta) from Brazil with description of the new species Gelidium calidum. PHYTOTAXA, v. 314, n. 2, p. 195-218, JUL 25 2017. Citações Web of Science: 5.
IHA, CINTIA; JAMAS, MAYRA; GUIMARAES, SILVIA M. P. B.; FUJII, MUTUE T.; FRESHWATER, D. WILSON; OLIVEIRA, MARIANA C. Pterocladiella (Gelidiales, Rhodophyta) species of Brazil including morphological studies of Pterocladiella media and a reassessment of Pterocladiella taylorii. PHYCOLOGIA, v. 56, n. 6, p. 624-637, 2017. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.