Busca avançada
Ano de início
Entree

Genotipagem multilocular de isolados de Giardia duodenalis e Cryptosporidium spp., circulantes em humanos, em cães e na água de comunidades ribeirinhas do Médio Tietê, estado de São Paulo, Brasil

Processo: 13/13940-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 05 de setembro de 2013
Vigência (Término): 04 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Semíramis Guimarães Ferraz Viana
Beneficiário:Érica Boarato David
Supervisor no Exterior: Simone Mario Caccio'
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Local de pesquisa : Istituto Superiore di Sanità (ISS), Itália  
Vinculado à bolsa:11/09963-0 - Genotipagem multilocular de isolados de Giardia duodenalis circulantes em humanos, em cães e na água de uma comunidade ribeirinha do Tietê, estado de São Paulo, BP.DR
Assunto(s):Epidemiologia molecular   Biologia molecular

Resumo

A despeito da constatação de que Giardia e Cryptosporidium apresentam, além dos genótipos estreitamente adaptados a diferentes espécies animais, genótipos com potencial zoonótico. Nesse contexto, a presente proposta de trabalho tem por principal interesse científico investigar a transmissibilidade de Giardia e Cryptosporidium na população humana e dos cães que com ela convive em duas colônias de pescadores da Bacia do Médio Tietê. Para isso, isolados de Giardia e de Cryptosporidium obtidos destes dois hospedeiros e de amostras de água bruta superficial do rio serão genotipados com o intuído de pesquisar a ocorrência e a freqüência dos diferentes genótipos circulantes nesse ambiente. No que se refere ao protozoário Giardia, esta abordagem foi contemplada na proposta apresentada no projeto de pesquisa "Genotipagem multilocular de isolados de Giardia duodenalis circulantes em humanos, em cães e na água de comunidades ribeirinhas do Médio Tietê, Estado de São Paulo" que vem sendo desenvolvido com financiamento FAPESP nas modalidades auxílio regular (2011/52100-3) e bolsa de doutorado (2011/09963-0). Durante a execução desta pesquisa, chamou-nos a atenção a alta prevalência de infecção por Cryptosporidium tanto na população humana quanto canina, além da detecção deste parasita em amostras de água coletadas em uma das colônias. Tendo em vista estas constatações, vislumbrou-se a possibilidade de ampliar esta pesquisa, incluindo a caracterização molecular dos isolados de Cryptosporidium. A despeito de Giardia e Cryptosporidium apresentarem semelhanças biológicas que tornam a epidemiologia das infecções semelhante, a diferenciação das espécies e dos vários genótipos de Cryptosporidium spp ainda é uma tarefa complexa. Entre os grupos de pesquisa envolvidos nos estudos de caracterização molecular dos protozoários Giardia e Cryptosporidium, destaca-se o grupo liderado pelo Dr. Simone Mário Cacciò, pesquisador do Istituto Superiore di Sanità (Roma/Itália) e em cujo laboratório pretende-se realizar este estudo. Assim, no que tange à pesquisa em andamento, é inegável a importância deste intercâmbio, que além de trazer importante contribuição para a pesquisa que está sendo desenvolvida no Brasil, certamente propiciará o amadurecimento acadêmico e pessoal do aluno para o qual se está pleiteando uma Bolsa de Estágio em Pesquisa no Exterior (BEPE). Somando-se a isso, este intercâmbio marca o início de uma colaboração com o Dr. Cacciò, criando possibilidades e prespectivas para propostas futuras. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.