Busca avançada
Ano de início
Entree

A terapia hormonal previne alterações comportamentais e neurais envolvidas no comportamento de ansiedade em ratas na perimenopausa?

Processo: 13/07913-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2013
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Janete Aparecida Anselmo Franci
Beneficiário:Paulo de Tarso Silva Barros
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Serotonina   Ratas   Neuroendocrinologia   Perimenopausa   Ansiedade

Resumo

A perimenopausa é a fase da vida da mulher que antecede a menopausa e na qual são observadas as principais alterações endócrinas e clínicas que causam mal estar às pacientes. A diminuição gradativa dos folículos leva a um padrão errático dos hormônios, como um aumento do hormônio folículo estimulante (FSH), concentrações de normal a elevada de estradiol (E2) e diminuição de progesterona. As alterações hormonais são acompanhadas de alterações clínicas como ondas de calor, sudorese, fadiga, enxaqueca e distúrbios de humor, como depressão e ansiedade.O modelo de perimenopausa induzido pelo VCD (diepóxido de 4-vinilciclohexeno) reproduz as alterações observadas em mulheres, pois se baseia na destruição gradativa de folículos ovarianos pela droga, o que, ao final, leva à falência ovariana. Apesar de ser clara a diminuição de folículos, as alterações hormonais presentes na perimenopausa não estão elucidadas neste modelo. Sabe-se que a incidência de transtornos de ansiedade é mais alta em mulheres, principalmente durante a perimenopausa, e que há um envolvimento do sistema serotonérgico nas vias neurais que são ativadas nos transtornos de ansiedade. Apesar de experimentos pilotos do nosso grupo mostrarem que ratas tratadas com VCD apresentam comportamentos preditivos de ansiedade no labirinto em cruz elevado (LCE), pouco se sabe sobre as alterações que ocorrem no sistema serotonérgico nesses animais. A função dos hormônios sexuais femininos nessas alterações também é pouco entendida.Portanto o objetivo principal deste projeto é estudar o padrão hormonal das ratas em perimenopausa, bem como elucidar se essas ratas apresentam alterações serotonérgicas e se o tratamento hormonal com E2 e progesterona é capaz de prevenir as alterações comportamentais e neurais envolvidas no comportamento de ansiedade nas ratas em perimenopausa induzida por VCD.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Grupo investiga efeito da reposição hormonal no cérebro