Busca avançada
Ano de início
Entree

Hidrogéis baseados em poliuretanas segmentadas responsivas

Processo: 13/04011-7
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2013
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Maria Isabel Felisberti
Beneficiário:Lucas Polo da Fonseca
Instituição Sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:10/17804-7 - Compósitos poliméricos, AP.TEM
Assunto(s):Hidrogéis   Polímeros (química orgânica)   Poliuretanos   Copolímeros
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Hidrogéis | Poliuretanas | responsívo | Polímeros

Resumo

O presente projeto visa o desenvolvimento de hidrogéis quimicamente reticulados baseados em copolímeros de poliuretanas segmentadas responsivas a estímulos como pH e com propriedades controladas como o balanço hidrofílico-hidrofóbico. As poliuretanas serão sintetizadas utilizando-se de polióis comerciais biocompatíveis e biodegradáveis como o poli(óxido de etileno) (PEG) e policaprolactona diol (PCL-diol) e três agentes extensores de cadeia: O agente reticulante, o glicerol, o agente "diluente", etileno glicol (EG) e o "responsivo", o ácido bis-2,2-hidróximetilpropiônico. A densidade de reticulação será mantida constante em todos os hidrogéis, enquanto a razão molar de agente extensor diluente e responsivo será variada. O balanço hidrofílico-hidrofóbico será ajustado pela razão molar entre PEG e PCL-diol. Desta forma, uma vasta gama de materiais com diferentes propriedades mecânicas, físico-químicas e inéditos na literatura podem ser produzidos. O projeto propõe além da síntese a caracterização das poliuretanas sintetizadas, do ponto de vista estrutural, de propriedades térmicas, mecânicas, de capacidade de intumescimento em função do pH de soluções aquosas, por exemplo. O estudo de hidrogéis poliméricos responsivos é de interesse científico e tecnológico, devido a sua vasta gama de aplicações envolvendo áreas como a biomedicina, desenvolvimento de sensores, veículos carreadores de fármacos, etc. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)