Busca avançada
Ano de início
Entree

A Teoria Ator-Rede (TAR) como uma possibilidade de compreensão da história do pensamento geográfico

Processo: 13/05373-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2013
Vigência (Término): 31 de agosto de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Geografia - Geografia Humana
Pesquisador responsável:Eliseu Savério Sposito
Beneficiário:Jônatas Lima Candido
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):14/18860-9 - Teoria ator-rede e quantificação em geografia: comparação entre as geografias brasileira e francesa, BE.EP.MS
Assunto(s):Pensamento geográfico

Resumo

O objetivo desta pesquisa é analisar eventuais contribuições da Teoria Ator-Rede (TAR) para o estudo e a compreensão da história do pensamento geográfico. Nesse sentido, entende-se que a popularização da concepção de prática científica de Thomas Samuel Kuhn, difundida entre os geógrafos a partir do movimento de renovação da geografia nos anos 1950, apresenta limitações à compreensão do desenvolvimento dessa disciplina, o que cria uma demanda por referenciais que possuam mais recursos interpretativos. Assim, a Teoria Ator-Rede, derivada dos estudos sobre ciência, tecnologia e sociedade, pode contribuir para a compreensão da história do pensamento geográfico.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
CANDIDO, Jônatas Lima. Contribuição da Teoria Ator-Rede (T A-R) para o estudo da construção do conhecimento geográfico : uma leitura da introdução da New Geography no Brasil através da Sociologia das Associações. 2016. 245 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências e Tecnologia..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.