Busca avançada
Ano de início
Entree

Associação de parâmetros nutricionais e inflamatórios com remodelação ventricular em pacientes portadores de Artrite reumatoide

Processo: 13/10894-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2013
Vigência (Término): 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Paula Schmidt Azevedo Gaiolla
Beneficiário:Karina Lie Utiaque Narimatsu
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Doenças autoimunes   Artrite reumatoide   Insuficiência cardíaca   Hipertrofia   Remodelação ventricular   Metaloproteases   Avaliação nutricional   Zimografia   Ecocardiografia

Resumo

Artrite reumatóide é uma doença autoimune inflamatória crônica que acomete não apenas articulações, mas também exibe manifestações sistêmicas, que incluem fadiga, desnutrição e manifestações relacionadas a outros órgãos, como o coração. Os mecanismos fisiopatológicos envolvidos nas lesões que acompanham a AR são multifatoriais, contando com a participação de mediadores inflamatórios, estresse oxidativo entre outros. Estes mecanismos podem associar-se a doenças cardíacas. De fato mais de 50%, do excesso de mortalidade na AR é atribuída a doenças cardiovasculares. A elevação dos níveis de mediadores inflamatórios é apontada como um dos responsáveis pelo aumento de aterosclerose e de risco cardiovascular em pacientes com AR. Adicionalmente, a inflamação pode estar associada à remodelação cardíaca, independentemente dos efeitos vasculares da aterosclerose. Entretanto, os mecanismos envolvidos na remodelação cardíaca, no paciente com artrite reumatóide, ainda é controverso. Estudos mostraram tanto hipertrofia como hipotrofia cardíaca em pacientes com AR. Porém, estes estudos não fizeram avaliação completa do estado nutricional. Desta forma, o objetivo deste trabalho é estudar se inflamação e aspectos nutricionais em pacientes portadores de AR estão associados à remodelação cardíaca. Para tanto serão estudados 60 pacientes com AR, que serão submetidos a avaliação nutricional (recordatório alimentar, bioimpedância, teste de preensão palmar, medida de pregas e densitometria de corpo inteiro), avaliação ecocardiográfica (variáveis estruturais e funcionais cardíacas) e avaliação de inflamação por zimografia (metaloproteases 2 e 9).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)