Busca avançada
Ano de início
Entree

As vias de sinalização da insulina no corpo lúteo de vacas submetidas a tratamentos de estimulação e superovulação com eCG

Processo: 13/09781-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2013
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Paula de Carvalho Papa Keohane
Beneficiário:Liza Margareth Medeiros de Carvalho Sousa
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Corpo lúteo   Eletrocardiografia   Bovinos   Superovulação   Insulina

Resumo

A gonadotrofina coriônica equina (eCG) quando associada aos protocolos hormonais utilizados para sincronização de estro e transferência de embriões (TE) causa impactos moleculares no corpo lúteo (CL) bovino que ainda não foram totalmente elucidados. Um estudo realizado por nosso grupo de pesquisa avaliou, por microarranjo, os efeitos da eCG no perfil de expressão gênica no corpo lúteo de doadoras submetidas ao tratamento de superovulação e de receptoras submetidas à estimulação folicular com eCG. Observou-se que a eCG promove mudanças na expressão de múltiplos genes, particularmente daqueles relacionados à síntese de progesterona, metabolismo, diferenciação e proliferação celular e angiogênese. A hipótese do presente estudo é a de que a eCG regule de maneira diferencial a expressão de genes relacionados às vias de sinalização da insulina, que consiste, dentro da fisiologia do corpo lúteo, em um hormônio importante para a produção de progesterona, além de ser central para o metabolismo da glicose, fonte de energia das células luteínicas. Para testar tal hipótese, serão realizados dois experimentos: o experimento 1 será delineado a partir da identificação dos genes relacionados à insulina diferencialmente expressos nos animais tratados com ou sem eCG em uma lista gerada pela análise de microarranjo (Número de acesso: GEO GSE37844). Esses achados serão validados por PCR em tempo real, western blotting e imuno-histoquímica. No experimento 2 será utilizado um modelo de cultivo celular para avaliar os efeitos diretos da eCG sobre a expressão gênica dos componentes das vias de sinalização da insulina nas células luteínicas bovinas. Os dados serão confrontados através do programa GraphPad Prism 4.0 (GraphPad Software, EUA). Os resultados obtidos por esse estudo fornecerão importantes insights para a compreensão das mudanças induzidas pela eCG no corpo lúteo bovino, bem como identificar novas estratégias para aumentar a eficiência dos programas de TE.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MEDEIROS DE CARVALHO SOUSA, LIZA MARGARETH; MENDES, GABRIELA PACHECO; CAMPOS, DANILA BARREIRO; BARUSELLI, PIETRO SAMPAIO; PAPA, PAULA DE CARVALHO. Equine Chorionic Gonadotropin Modulates the Expression of Genes Related to the Structure and Function of the Bovine Corpus Luteum. PLoS One, v. 11, n. 10 OCT 6 2016. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.