Busca avançada
Ano de início
Entree

Perfil genético e susceptibilidade de diferentes populações do carrapato Amblyomma sculptum à infecção pelo patógeno Rickettsia rickettsii

Processo: 13/14222-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2013
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Marcelo Bahia Labruna
Beneficiário:Monize Gerardi
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Rickettsia rickettsii   Amblyomma sculptum   Febre maculosa   Carrapatos   Doenças parasitárias   Amblyomma cajennense

Resumo

A Febre Maculosa Brasileira (FMB), causada pela bactéria Rickettsia rickettsii, é a doença transmitida por carrapatos de maior importância médica na América Latina, onde o carrapato-estrela (Amblyomma cajennense) é o principal vetor. O presente projeto objetiva: (i) Avaliar, em condições de laboratório, a susceptibilidade de cinco populações geograficamente distintas de A. cajennense à infecção por R. rickettsii, tentando correlacionar as diferentes susceptibilidades ao perfil genético das populações de carrapatos; e (ii) avaliar de forma comparativa a dinâmica da infecção por R. rickettsii em cinco populações geograficamente distintas de A. cajennense, através da quantificação da perpetuação transestadial e transmissão transovariana da bactéria nos carrapatos. Para isto, serão avaliadas em laboratório cinco colônias de A. cajennense, duas de áreas endêmicas para FMB no estado de São Paulo, e 3 de áreas não endêmicas, originárias dos estados de São Paulo, Mato Grosso e Minas Gerais. As cinco populações serão expostas à infecção pela cepa ITU de R. rickettsii, originalmente isolada de A. cajennense em São Paulo. Os resultados das infecções experimentais permitirão verificar se há diferenças de susceptibilidade de diferentes populações de A. cajennense com uma cepa de R. rickettsii originalmente isolada de uma das populações testadas deste carrapato. Os resultados serão comparados com o perfil genético das populações de carrapatos, através das sequências de DNA geradas dos marcadores 16S mitocondrial e ITS2 nuclear. Os resultados permitirão também uma avaliação bem mais ampla da dinâmica de infecção por R. rickettsii no carrapato A. cajennense, através da quantificação comparativa da perpetuação transestadial e transmissão transovariana da bactéria nas cinco populações avaliadas.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GERARDI, MONIZE; RAMIREZ-HERNANDEZ, ALEJANDRO; BINDER, LINA C.; KRAWCZAK, FELIPE S.; GREGORI, FABIO; LABRUNA, MARCELO B. Comparative Susceptibility of Different Populations of Amblyomma sculptum to Rickettsia rickettsii. FRONTIERS IN PHYSIOLOGY, v. 10, MAY 28 2019. Citações Web of Science: 2.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
GERARDI, Monize. Perfil genético e susceptibilidade de diferentes populações do carrapato Amblyomma sculptum à infecção pelo patógeno Rickettsia rickettsii. 2016. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.