Busca avançada
Ano de início
Entree

Ambiente de trabalho de enfermagem e segurança do paciente em unidades pediátricas

Processo: 13/09441-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2013
Vigência (Término): 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem - Enfermagem Pediátrica
Pesquisador responsável:Edinêis de Brito Guirardello
Beneficiário:Daniela Fernanda dos Santos Alves
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Segurança do paciente   Ambiente de instituições de saúde   Avaliação de resultados   Recursos humanos de enfermagem   Esgotamento profissional

Resumo

A qualidade do cuidado de enfermagem prestado por serviços de saúde, especialmente nos hospitais, tem sido o foco de vários estudos em âmbito internacional, com evidências de que determinadas características do ambiente de trabalho favorecem a prática dos profissionais de enfermagem, além de proporcionarem maior satisfação profissional e contribuírem positivamente para a segurança do paciente. No entanto, esses estudos não são direcionados para unidades pediátricas, e motivam novas investigações neste campo. O estudo tem por objetivo examinar as relações entre ambiente de trabalho, segurança do paciente e resultados do paciente e da equipe de enfermagem. Trata-se de um estudo retrospectivo-longitudinal (com a análise dos dados administrativos das crianças hospitalizadas nos últimos cinco anos) e transversal (características da equipe de enfermagem, satisfação do enfermeiro, qualidade do cuidado, segurança do paciente e ambiente de trabalho) a ser realizado em três hospitais pediátricos de grande porte no Estado de São Paulo. Para a coleta de dados serão utilizadas duas fichas de caracterização: 1) pessoal e profissional: preenchida pelos sujeitos e 2) institucional: preenchida pela pesquisadora; e por meio de três instrumentos: 1) Nursing Work Index - Revised versão brasileira (versão para enfermeiros e para técnicos e auxiliares de enfermagem), 2) Inventário de Burnout de Maslach - Subescala Exaustão Emocional e 3) Safety Attitudes Questionnaire - Short Form 2006 - Versão Brasileira. O perfil dos enfermeiros e das instituições será descrito com valores de frequência absoluta e percentual e medidas de posição e dispersão. A confiabilidade dos instrumentos será avaliada por meio da consistência interna. A correlação entre as variáveis serão expressas pelo coeficiente de Spearman. Foi proposto um modelo teórico das relações entre as variáveis e a avaliação das estimativas do modelo, qualidade do ajuste, modificações e construção do modelo final serão realizadas por meio da Modelagem de Equação Estrutural. Os indicadores hospitalares serão relacionados às variáveis do ambiente, segurança e exaustão com a análise de regressão logística e o cálculo de odds ratio e intervalos de confiança. Para todos os testes, admitir-se-á como nível de significância p<0,05.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DOS SANTOS ALVES, DANIELA FERNANDA; DA SILVA, DIRCEU; GUIRARDELLO, EDINEIS DE BRITO. Nursing practice environment, job outcomes and safety climate: a structural equationmodelling analysis. JOURNAL OF NURSING MANAGEMENT, v. 25, n. 1, p. 46-55, JAN 2017. Citações Web of Science: 11.
ALVES, D. F. S.; GUIRARDELLO, E. B. Safety climate, emotional exhaustion and job satisfaction among Brazilian paediatric professional nurses. INTERNATIONAL NURSING REVIEW, v. 63, n. 3, p. 328-335, SEP 2016. Citações Web of Science: 11.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
ALVES, Daniela Fernanda dos Santos. Ambiente de trabalho da enfermagem e segurança do paciente em unidades pediátricas. 2015. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Enfermagem.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.