Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de eletrodos impressos quimicamente modificados para a determinação voltamétrica de cocaína e LSD em amostras de interesse forense

Processo: 13/17630-7
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 20 de janeiro de 2014
Vigência (Término): 19 de janeiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Marcelo Firmino de Oliveira
Beneficiário:Marcelo Firmino de Oliveira
Anfitrião: Bruce Royston Mccord
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : Florida International University (FIU), Estados Unidos  
Assunto(s):Eletroanalítica   Voltametria   Eletrodos   Química forênsica   Entorpecentes   Drogas ilícitas

Resumo

Este projeto tem por objetivo a pesquisa e o desenvolvimento de transdutores voltamétricos para a determinação de cocaína e LSD em amostras de substâncias entorpecentes apreendidas pela polícia. Considerando-se o fato de que todas estas espécies químicas apresentam resposta eletroquímica mediante oxidação ou redução em superfícies eletródicas convencionais, este projeto propõe a modificação química de superfície eletródica por filmes finos, utilizando processos de dip coating ou spin coating, visando a detecção voltamétrica das mesmas. Como modificadores de superfície, serão utilizadas quatorze bases Schiff (estruturas Salen e Salcn) com diferentes cátions ancorados as mesmas (Co, Fe, Cu, Ni, V e U), bem como serão investigadas também três espécies de cucurbiturilas (CB[5], CB[6] e CB[7]). Espera-se com as referidas modificações de superfície, a obtenção de melhoria na seletividade ou especificidade química, bem como um aumento na sensibilidade amperométrica para os referidos analitos. Na etapa subseqüente ao estudo das modificações de superfície, os filmes químicos que apresentarem os melhores resultados em termos de seletividade e especificidade deverão ser empregados em duas frentes distintas, a saber: 1) aplicação dos eletrodos impressos quimicamente modificados em análises de campo (pesquisa de entorpecentes em locais de apreensão de drogas); 2) estudo da viabilidade destes transdutores portáteis para atuação como extratores em fase sólida dos analitos descritos, com análise subsequente de suas superfícies por um cromatógrafo a gás acoplado a um espectrômetro de massas (GC-MS), dotado de um sistema de ionização direta em tempo real. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MUZETTI RIBEIRO, MARIA FERNANDA; DA CRUZ JUNIOR, JOSE WILMO; DOCKAL, EDWARD RALPH; MCCORD, BRUCE ROYSTON; DE OLIVEIRA, MARCELO FIRMINO. Voltammetric Determination of Cocaine Using Carbon Screen Printed Electrodes Chemically Modified with Uranyl Schiff Base Films. Electroanalysis, v. 28, n. 2, p. 320-326, FEB 2016. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.