Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da variabilidade cariotípica e do comportamento dos cromossomos na meiose de escorpiões do gênero Tityus (Buthidae)

Processo: 13/11840-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2013
Vigência (Término): 31 de julho de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Morfologia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Marielle Cristina Schneider
Beneficiário:Viviane Fagundes de Mattos
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/21643-1 - Meiose em escorpiões (Arachnida): modelo para compreender a evolução em espécies com cromossomos aquiasmáticos, AP.JP
Assunto(s):Telômero

Resumo

A família Buthidae é considerada filogeneticamente basal dentro da ordem Scorpiones e apresenta a maior diversidade de espécies descritas taxonomicamente. Do ponto de vista citogenético, menos de 5% dos butídeos descritos foram analisadas, as quais exibiram características cromossômicas bastante interessantes, as quais podem constituir modelos para a compreensão da evolução dos cromossomos dentro do grupo. Os escorpiões Buthidae apresentam uma grande variabilidade inter ou intraindividual e/ou inter ou intraespecífica quanto ao número diploide e de associações cromossômicas multivalentes presentes na prófase I, que foram originadas por rearranjos dos tipos translocações recíprocas ou fissões/fusões. Além disso, os escorpiões butídeos apresentam cromossomos holocêntricos, meiose sináptica e aquiasmática, a qual suscita questionamentos sobre os mecanismos responsáveis pela variabilidade genética dentro do grupo. Tendo em vista todas as particularidades encontradas em Buthidae, o objetivo deste projeto é estabelecer os processos envolvidos com a variabilidade intra/interespecífica e intra/interindividual de número diploide e de associações multivalentes em diferentes espécies de Tityus (Archaeotityus) e caracterizar detalhadamente o comportamento dos cromossomos na meiose, o qual possivelmente está relacionado com a manutenção dos altos índices de rearranjos cromossômicos presentes neste grupo. Para tal, os cromossomos mitóticos e meióticos do maior número possível de espécies serão analisados em microscopia de luz, utilizando metodologias clássicas, moleculares e de imunocitogenética, a fim de determinar o número diploide e haploide de cromossomos, as associações cromossômicas durante a meiose, o padrão de distribuição das regiões de heterocromatina constitutiva e organizadoras de nucléolo, a localização dos cistrons ribossomais e sequências teloméricas, bem o comportamento dos cromossomos durante a meiose quanto à sinapse, recombinação, orientação e segregação, além de verificar algumas modificações nas histonas relacionadas ao comportamento cromossômico meiótico.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MATTOS, VIVIANE FAGUNDES; CARVALHO CURRENCY, LEONARDO SOUSA; CARVALHO, MARCOS ANDRE; SCHNEIDER, MARIELLE CRISTINA. Insights into the origin of the high variability of multivalent-meiotic associations in holocentric chromosomes of Tityus (Archaeotityus) scorpions. PLoS One, v. 13, n. 2 FEB 21 2018. Citações Web of Science: 1.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MATTOS, Viviane Fagundes de. Análise da variabilidade cariotípica e do comportamento dos cromossomos na meiose de escorpiões do subgênero Tityus (Archaeotityus) (Buthidae). 2017. 135 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.