Busca avançada
Ano de início
Entree

Osmorregulação e a expressão dos genes da Na+/K+-ATPase e da aquaporina em crustáceos de água doce

Processo: 13/14126-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2013
Vigência (Término): 30 de setembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Comparada
Pesquisador responsável:John Campbell McNamara
Beneficiário:Paola Alarcon Monteiro Fernandes
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Crustacea   Biologia molecular   Osmorregulação

Resumo

Como parte do processo de hiper-osmorregulação em meio diluído ou de água doce, os crustáceos efetuam a regulação isosmótica intracelular, e a regulação anisosmótica extracelular. Nessa ultima, ocorre o transporte ativo de sais para a hemolinfa, o que mantém sua concentração osmótica acima da do meio circundante. O mecanismo de transporte ativo de sal ocorre tanto no epitélio das brânquias quanto pelos túbulos renais das glândulas antenais, e se fundamenta em uma proteína ionotransportadora ativa, a Na+/K+-ATPase, bem como outras proteínas transportadoras. O movimento osmótico de água é um outro importante componente da osmorregulação. Ocorre principalmente por meio de proteínas transmembranas chamadas de aquaporinas. O presente trabalho investigará processos osmorregulatórios ao nível sistêmico, acompanhando a osmolalidade e concentração de cloreto na hemolinfa, e ao nivel molecular por meio da expressão dos genes para a Na+/K+-ATPase e a aquaporina em dois crustáceos de água doce: um camarão palemonídeo Macrobrachium brasiliense e um anomuro, Aegla franca. Pretende-se aprofundar o entendimento dos mecanismos de osmorregulação em decápodes, ao integrar informações colhidas em nível sistêmico com informação molecular, em dois táxons filogeneticamente distantes.