Busca avançada
Ano de início
Entree

Impacto de estratégias nutricionais no custo do manejo dos dejetos de suínos

Processo: 13/14237-2
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2013
Vigência (Término): 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Augusto Hauber Gameiro
Beneficiário:Esther Ramalho Afonso
Instituição Sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Excreção   Fertilizantes orgânicos   Minerais (química inorgânica)
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Crescimento e Terminação | Custos Logísticos | Dejetos | Eficiência Econômica | fitase | minerais | Produção de Suínos e Economia

Resumo

O estudo tem como objetivo avaliar o efeito econômico no custo de práticas e tecnologias adotadas no manejo dos dejetos com a utilização de diferentes estratégias nutricionais de suínos em crescimento e terminação. Especificamente, procura-se: I) Avaliar o efeito econômico das estratégias nutricionais na excreção e aproveitamento de fósforo e nitrogênio; II) Calcular as margens de comercialização para as diferentes estratégias nutricionais; III) Avaliar a eficiência econômica na utilização de minerais; IV) Valorar os dejetos gerados em relação ao seu potencial uso como fertilizante orgânico; V) Avaliar o impacto de cada estratégia nutricional sobre o custo do armazenamento (esterqueira) e uso dos dejetos, e sobre o seu tratamento por biodigestor e posterior utilização. Os tratamentos a partir dos quais os dados serão obtidos são: T1: Dieta com nível alto de proteína bruta, suplementação mínima de aminoácidos e sem a inclusão de fitase e minerais orgânicos (Dieta Controle); T2: Dieta formulada a partir de T1, mas com redução do nível de proteína bruta, mediante a suplementação de lisina, metionina, treonina e triptofano industriais, observando a proteína ideal de todos os aminoácidos essenciais, sem inclusão de fitase; T3: Dieta formulada a partir de T1, mas com a inclusão de 0,010 fitase e redução dos teores de cálcio e fósforo da dieta; T4: Dieta formulada a partir de T1, mas com a suplementação de 40% minerais orgânicos (Cu, Zn e Mn) e 50% minerais inorgânicos; T5: Dieta formulada a partir de T1, mas combinando os tratamentos T2, T3 e T4, anteriormente descritos, com inclusão de 0,010 de fitase. As análises estatísticas serão realizadas utilizando o pacote computacional SAS, com nível de significância de 5%. Como resultados esperados tem-se que as diferentes estratégias nutricionais ambientalmente validadas podem propiciar melhor utilização dos nutrientes reduzindo a excreção destes ao meio ambiente, com menor custo no manejo dos dejetos. Os tratamentos que utilizarem fitase e minerais poderiam obter melhor aproveitamento de fósforo e nitrogênio. As estratégias nutricionais que utilizam fitase e minerais podem resultar em maior margem de comercialização aos suinocultores. Os minerais podem comprovar sua eficiência econômica. Os dejetos gerados podem ser economicamente viáveis em comparação a utilização (substituição) de fertilizantes comerciais. Os dejetos gerados das diferentes estratégias nutricionais podem ser utilizados com viabilidade em esterqueiras e/ou em biodigestores. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PASCALE PALHARES, JULIO CESAR; AFONSO, ESTHER R.; GAMEIRO, AUGUSTO H.. Reducing the water cost in livestock with adoption of best practices. ENVIRONMENT DEVELOPMENT AND SUSTAINABILITY, v. 21, n. 4, p. 2013-2023, . (13/14237-2)
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
AFONSO, Esther Ramalho. Impacto de estratégias nutricionais no custo do manejo dos dejetos de suínos. 2015. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ/SBD) Pirassununga.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.