Busca avançada
Ano de início
Entree

Pierre Bourdieu e a teoria materialista do simbólico

Processo: 13/11282-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2013
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Fundamentos da Sociologia
Pesquisador responsável:Renato José Pinto Ortiz
Beneficiário:Juliana Closel Miraldi
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Teoria dos campos (psicologia)

Resumo

Esta pesquisa objetiva perquirir, instigada pela assertiva de Macherey em Histoire des dinosaures (1999), como Pierre Bourdieu estabelece a homologia de funcionamento entre os diferentes campos sociais. Formulei, para tal empreitada, duas hipóteses provisórias a serem criticamente investigadas ou mesmo retificadas ao longo da pesquisa. A primeira, consiste em averiguar o papel que Bourdieu atribui ao econômico, pois embora o autor afirme a autonomia relativa entre os campos, por vezes parece que ele tende a considerar o econômico como o elemento que atravessa imanentemente todos os outros campos. A segunda concebe o habitus como o princípio ativo que unifica as práticas e as representações sociais e cuja universalidade garantiria a homologia estrutural entre os campos. Para inserir com rigor essa problemática, procurei expor a praxeologia bourdieusiana, seus conceitos fundamentais e a dinâmica interna aos campos. A metodologia, de natureza essencialmente bibliográfica, consiste na leitura imanente das obras preponderantemente teóricas de Bourdieu, a fim de observar o desenvolvimento e a articulação dos conceitos centrais à teoria, embasada na problemática específica levantada por cada obra analisada. A ambição dessa pesquisa é a de contribuir com o debate apontado e avançar na compreensão epistêmica da teoria sociológica de Bourdieu. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MIRALDI, Juliana Closel. Pierre Bourdieu e a teoria materialista do simbólico. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.