Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do trans-cariofileno na hipernocicepção induzida pela constrição crônica do nervo ciático e potencializada pelo estresse de restrição de sono

Processo: 13/02787-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2013
Vigência (Término): 30 de setembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Neuropsicofarmacologia
Pesquisador responsável:Deborah Suchecki
Beneficiário:Lyvia Izaura Gomes de Paula Freire
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Estresse psicológico

Resumo

A relação bidirecional entre sono e dor tem sido tópico de interesse em muitas investigações recentes, uma vez que pacientes com patologias dolorosas dormem mal e pessoas que dormem mal apresentam maior sensibilidade dolorosa. Além disso, tanto estímulos dolorosos quanto o sono de má qualidade são capazes de ativar regiões cerebrais reguladoras da reação de estresse e intimamente relacionadas com a dimensão afetiva/emocional da dor. Já foi demonstrado que animais com lesão nervosa periférica, submetidos à restrição ou privação de sono, apresentam redução do limiar de dor. No entanto, os tratamentos convencionais para dor neuropática, além de não reverterem o aumento da sensibilidade dolorosa, promovem diversos efeitos indesejáveis. Sendo assim, estudos que utilizam produtos naturais têm contribuído de forma relevante para o desenvolvimento de novas estratégias terapêuticas. Tendo em vista que o trans-cariofileno é o principio ativo majoritário do óleo essencial de muitas plantas medicinais com atividade antinociceptiva pronunciada, como a Cannabis sativa, o objetivo desse estudo será avaliar seu efeito na hipernocicepção induzida pela contrição crônica do nervo ciático (ICC) e potencializada pelo estresse de restrição de sono (RS) em camundongos. Para tal, camundongos da linhagem C57BL/6J tratados com trans-cariofileno ou veículo serão submetidos à cirurgia de constrição crônica do nervo ciático e, após 6 dias de recuperação, serão submetidos à restrição de sono por 15 dias. Para determinação do potencial antihipernociceptivo, os animais serão avaliados periodicamente quanto à hipernocicepção mecânica (teste de Von Frey) e hipernocicepção térmica (teste de Placa Quente). Por fim, serão avaliados os efeitos do trans-cariofileno sobre os níveis de corticosterona, a ativação de proto-oncogenes (Fos e Egr-1) em regiões envolvidas com a resposta dolorosa e de estresse, a expressão de substâncias pró-inflamatórias (TNF±, PGE2, IL-1² e IL-6) e imunomodulatórias (IL-10) e a expressão de ciclooxigenase 2 (COX2). (AU)